Dow Jones fecha em baixa de 0,77%

Nova York, 20 fev (EFE).- O índice Dow Jones Industrial, o principal de Wall Street, fechou nesta quarta-feira em baixa de 0,77%, caindo da barreira de 14 mil pontos, após a divulgação de que o Federal Reserve (Fed) revisará em março sua política de estímulo monetário.

Esse indicador, que reúne 30 das maiores empresas americanas, perdeu 108,13 pontos, para 13.927,54. Já o índice seletivo S&P 500 caiu 1,24% e fechou aos 1.511,95 pontos, e o indicador da bolsa eletrônica Nasdaq recuou 1,53%, para 3.164,41.

O humor dos investidores foi influenciado pelas atas da última reunião do Fed, que revelaram que vários membros do banco central americano estão preocupados pelos custos e riscos do programa de estímulo monetário dos Estados Unidos e querem revisá-lo em março.

A notícia intensificou a tendência de queda apresentada no começo do pregão devido ao grande volume de vendas, já que ontem tanto o Dow Jones como o S&P 500 atingiram níveis que não eram registrados desde 2007, e a Nasdaq teve sua cotação mais alta em 12 anos.

No âmbito empresarial, os protagonistas de hoje foram as empresas de material de escritório Office Max e Office Depot, que anunciaram um plano de US$ 1,2 bilhão para se fundir e criar uma nova companhia com receita anual de US$ 18 bilhões que tentará concorrer com a Staples, líder do setor.

Embora as ações dessas duas companhias tenham disparado na terça-feira, quando a informação vazou, hoje elas sofreram duras quedas. Os títulos da Office Max caíram 7%, e os da Office Depot, 16,73%. Também fecharam em baixa os papéis da Staples (-7,17%).

Apenas seis dos 30 componentes do Dow Jones fecharam o dia em alta, sendo as mais significativas as de Merck (1,04%) e Verizon (0,94%). Também subiram os títulos da Boeing (0,17%) no dia em que a empresa anunciou que está perto de solucionar os problemas das baterias de seus aviões 787.

Já as quedas mais significativas foram de Alcoa (-3,31%), Bank of America (-3,2%), United Health (-2,56%), Caterpillar (-2,49%) e Walt Disney (-2,03%).

Em outros mercados, o preço do ouro caiu com força, para US$ 1.577,60 a onça, e a rentabilidade da dívida americana a dez anos subia para 2,03%. EFE

Carregando...