Mercado fechado
  • BOVESPA

    130.207,96
    +766,93 (+0,59%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.029,54
    -256,92 (-0,50%)
     
  • PETROLEO CRU

    71,06
    +0,18 (+0,25%)
     
  • OURO

    1.869,10
    +3,20 (+0,17%)
     
  • BTC-USD

    40.498,91
    +1.413,55 (+3,62%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.002,43
    +33,59 (+3,47%)
     
  • S&P500

    4.255,15
    +7,71 (+0,18%)
     
  • DOW JONES

    34.393,75
    -85,85 (-0,25%)
     
  • FTSE

    7.146,68
    +12,62 (+0,18%)
     
  • HANG SENG

    28.842,13
    +103,23 (+0,36%)
     
  • NIKKEI

    29.161,80
    +213,07 (+0,74%)
     
  • NASDAQ

    14.121,50
    -3,25 (-0,02%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,1340
    +0,0025 (+0,04%)
     

Douglas Adams e a história por trás do ‘Dia da Toalha’

·4 minuto de leitura
Douglas Adams e a história por trás do ‘Dia da Toalha’
Douglas Adams e a história por trás do ‘Dia da Toalha’

O Dia da Toalha é, certamente, a data mais complicada de se explicar do calendário terrestre e a mais inusitada entre as efemérides não comemoradas em Ursa Menor. Não celebra um nascimento, não marca exatamente um acontecimento e talvez por isso mesmo tenha tanto a ver com o seu homenageado, o escritor britânico Douglas Adams (1952 – 2001).

E para explicar o significado do Dia da Toalha, comemorado hoje, 25 de maio, precisamos falar sobre esse autor e sua maior obra, ‘O Guia do Mochileiro das Galáxias’. Pensando melhor, talvez seja mais complexo explicar como é definida a data do Carnaval, já que envolve também a definição de quando cai a Páscoa etc., então desconsidere a primeira frase deste texto. Ou não.

Nascido em 11 de março de 1952, na cidade de Cambridge, Douglas Noël Adams, como antecipamos no parágrafo anterior, não faz aniversário no Dia da Toalha, embora a data celebre a sua vida e produção artística. No caminho até se consagrar como humorista, exerceu trabalhos diversos como limpador de galinheiros, construtor de celeiros e porteiro de hospital psiquiátrico.

O escritor britânico Douglas Adams. Imagem: Jill Furmanovsky/Divulgação
O escritor britânico Douglas Adams. Imagem: Jill Furmanovsky/Divulgação

Adams, que já demonstrava interesse pela atuação ao participar de peças escolares, se interessou em definitivo pela performance humorística após ver John Cleese – que viria a ser um dos célebres integrantes do ‘Monty Python’ – na TV, em 1966. Chamou a atenção o fato de o ator, assim como Adams, ter mais de 1,90m.

Além de ser sua cidade natal, Cambridge foi fundamental na formação artística de Douglas Adams. Bolsista do curso de Inglês na Universidade de Cambridge, tinha como grande ambição fazer parte do Footlights, clube de teatro universitário famoso por seus comediantes, como o próprio Cleese e outros membros do ‘Monty Python’.

A passagem pelo clube de teatro no início dos anos 1970 não foi das mais bem-sucedidas e acabou levando Adams a deixar em segundo plano a carreira de ator. A escrita, por outro lado, virou seu ganha-pão e ele manteve as contas em dia escrevendo para a TV e para o rádio. E este último foi o lar original de ‘O Guia do Mochileiro das Galáxias’, concebido como série radiofônica, lançada em 1978.

Leia também:

No ano seguinte, a série foi transformada em livro, formato que possibilitou a popularização da obra para além da Grã-Bretanha. O romance acompanha Arthur Dent, um inglês comum que é retirado da Terra por um alienígena momentos antes de o planeta ser destruído para dar lugar a uma via interplanetária.

O extraterreste em questão, chamado Ford Prefect, era um dos melhores amigos de Dent, que desconhecia sua origem, e estava na Terra justamente para escrever sobre o planeta em uma seção do Guia do Mochileiro das Galáxias. Misto de guia de viagens e enciclopédia, esse livro eletrônico que título à obra de Adams é descrito como uma publicação com milhões de páginas e verbetes que condensa o essencial do conhecimento interplanetário para se aventurar pelo universo.

E a toalha?

Antes de partir às pressas do planeta Terra, Dent tem a oportunidade de pegar apenas um objeto: sua toalha, utensílio que, segundo o guia, é um dos mais úteis para o mochileiro interestelar. Confira alguns dos usos para a toalha, segundo Adams:

  • como agasalho ao atravessar as frias luas de Beta de Jagla;

  • como proteção ao deitar nas areias das praias de Santragino V;

  • como vela para uma mini jangada ao atravessar as águas do rio Moth;

  • como arma, ao ser umedecida, para combates corpo a corpo;

‘O Guia do Mochileiro das Galáxias’, em sua adaptação para os cinemas de 2005. Imagem:  Touchstone Pictures/Divulgação
‘O Guia do Mochileiro das Galáxias’, em sua adaptação para os cinemas de 2005. Imagem: Touchstone Pictures/Divulgação

Um entre vários símbolos do livro, a tolha acabou sendo a referência escolhida para reverenciar o autor, que morreu aos 49 anos, em 11 de maio de 2001. E qual a razão da data para isso ser 25 de maio? Pouco tempo após a morte do comediante, fãs queriam fazer uma homenagem, mas não chegaram ao consenso sobre quando fazê-la.

Acabou que se decidiu por uma data aleatória, duas semanas após a morte de Adams, sem qualquer explicação mais razoável. E, na ocasião, os fãs foram às ruas equipados com suas toalhas, algo que acabou virando tradição. Parece adequado para alguém explorou tanto o absurdo e o nonsense em sua obra.

Dia do Orgulho Nerd?

Tem que prefira considerar o 25 de maio como Dia do Orgulho Nerd, que para alguns é a mesma coisa que Dia da Toalha, mas é um debate irrelevante. De todo modo, fica ao gosto do freguês. O fato é que foi a data de estreia do primeiro ‘Star Wars’, em 1977. Vinte e nove anos depois, em 2006, alguns nerds decidiram celebrar a data em Madrid e, de lá pra cá, a comemoração foi ganhando outros países.

E, sim, bom lembrar também que ‘Star Wars’ é festejado em particular em outra data, no mesmo mês. Por conta do trocadilho com a célebre frase “Que a força esteja com você” (“May the force be with you”, no original), o dia quatro de maio (may the 4th) virou ocasião para relembrar a saga.

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!