Mercado fechará em 1 h 34 min

Doria diz que paulistas não poderão jogar Brasileirão antes de fim do Paulistão

João Dória durante coletiva de imprensa durante a pandemia do coronavírus (Rodrigo Paiva/Getty Images)

O governador de São Paulo, João Doria (PSDB), disse os clubes do estado não poderão atuar no Campeonato Brasileiro, com início marcado provisoriamente para o dia 9 de agosto, antes que o Paulistão acabe.

Baixe o app do Yahoo Mail em menos de 1 min e receba todos os seus emails em 1 só lugar

Siga o Yahoo Esportes no Google News

Enquanto o Brasileirão já tem data de início marcada pela CBF - 9 de agosto -, o governo de São Paulo e a Federação Paulista de Futebol (FPF) ainda não chegaram a um acordo para que o campeonato estadual volte.

Leia também:

“Se não me engano, faltam três rodadas para concluir o campeonato. Sem concluir, os times de São Paulo não podem participar do Campeonato Brasileiro”, disse o governador. “Estamos levando em conta também isso, os aspectos de saúde e o protocolo que assinamos com a Federação Paulista de Futebol, e esta, por sua vez, com todas as equipes da primeira divisão”.

O governador também disse que espera ter um acordo com a FPF até o fim da próxima semana para determinar uma data para o retorno. Ainda são necessárias seis datas para a finalização do torneio, já que faltam duas rodadas da primeira fase e o mata-mata - jogos únicos em quartas de final e semifinal, além da final em duas partidas.

O estado de São Paulo foi o último com clubes da Série A a liberar testes e treinos. Enquanto Grêmio e Internacional puderam voltar a realizar atividades no início de maio, os paulistas só puderam reunir atletas a partir de 1º de julho.

Siga o Yahoo Esportes no Instagram, Facebook, Twitter e YouTube e aproveite para se logar e deixar aqui abaixo o seu comentário.