Mercado fechado
  • BOVESPA

    110.575,47
    +348,38 (+0,32%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    41.674,30
    -738,17 (-1,74%)
     
  • PETROLEO CRU

    45,53
    -0,18 (-0,39%)
     
  • OURO

    1.788,10
    -23,10 (-1,28%)
     
  • BTC-USD

    17.699,59
    +101,34 (+0,58%)
     
  • CMC Crypto 200

    333,27
    -4,23 (-1,25%)
     
  • S&P500

    3.638,35
    +8,70 (+0,24%)
     
  • DOW JONES

    29.910,37
    +37,90 (+0,13%)
     
  • FTSE

    6.367,58
    +4,65 (+0,07%)
     
  • HANG SENG

    26.894,68
    +75,23 (+0,28%)
     
  • NIKKEI

    26.644,71
    +107,40 (+0,40%)
     
  • NASDAQ

    12.257,50
    +105,25 (+0,87%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,3746
    +0,0347 (+0,55%)
     

Doria comemora retomada de testes da CoronaVac: “É segura, como já ficou comprovado”

Anita Efraim
·1 minuto de leitura
João Doria, (PSDB) Governor of São Paulo, during a press conference on measures to combat the Coronavirus, (COVID-19) this Wednesday, September 23, 2020 at the Palácio dos Bandeirantes in Sao Paulo, Brazil. During the press conference, Governor João Doria spoke about the veto of the public returning to football stadiums in São Paulo and about the CoronaVac vaccine. (Photo: Roberto Casimiro/Fotoarena/Sipa USA)(Sipa via AP Images)
João Doria com uma amostra da vacina CoronaVac (Foto: Roberto Casimiro/Fotoarena/Sipa USA via AP Images)

O governador de São Paulo, João Doria (PSDB), comemorou a retomada dos testes da vacina contra o coronavírus desenvolvida pelo Instituto Butantan. A paralisação havia sido determinada pela Anvisa na última terça-feira, 9, após um “evento adverso grave”.

Na quarta-feira, 10, foi divulgado que o voluntário não morreu em decorrência dos testes. Ele teria cometido suicídio, segundo o boletim de ocorrência registrado. Após tomar conhecimento do fato, a agência reguladora autorizou que os testes voltassem a ser feitos.

“A Anvisa acaba de autorizar a retomada dos testes da Coronavac no Brasil. Ficou claro para a Agência que o “evento adverso grave” que ocorreu com um dos voluntários não teve qualquer relação com a vacina. A Coronavac é segura, como já ficou comprovado nos testes feitos até aqui”, escreveu Doria nas redes sociais.

Leia também

Uma das principais críticas em relação a “guerra da vacina” é a politização. Na quarta, dia seguinte à paralisação dos estudos, o presidente Bolsonaro disse que havia “vencido” Doria. O governador de São Paulo entende que Bolsonaro seja contra a vacina por questões políticas.

A Anvisa, órgão do âmbito do governo federal, alegou que o Instituto Butantan, que trabalha com o governo de São Paulo, não enviou detalhes suficientes. Já o instituto nega negligência.