Mercado abrirá em 28 mins
  • BOVESPA

    112.282,28
    +2.032,55 (+1,84%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.338,34
    +510,21 (+1,00%)
     
  • PETROLEO CRU

    71,86
    -0,37 (-0,51%)
     
  • OURO

    1.773,80
    -5,00 (-0,28%)
     
  • BTC-USD

    43.577,77
    +1.526,12 (+3,63%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.092,54
    +52,06 (+5,00%)
     
  • S&P500

    4.395,64
    +41,45 (+0,95%)
     
  • DOW JONES

    34.258,32
    +338,48 (+1,00%)
     
  • FTSE

    7.078,93
    -4,44 (-0,06%)
     
  • HANG SENG

    24.510,98
    +289,44 (+1,19%)
     
  • NIKKEI

    29.639,40
    -200,31 (-0,67%)
     
  • NASDAQ

    15.249,75
    +86,25 (+0,57%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,1798
    -0,0290 (-0,47%)
     

As dores e as vantagens de estar na fronteira tecnológica

·3 minuto de leitura

As tecnologias mais inovadoras para a inteligência corporativa ainda estão em estágios muito iniciais de maturação, e poucas companhias conseguirão ir além do buzzword no curto prazo.

Com a internet inundada de buzzwords rasas e desinformação, é crítico o acompanhamento de fontes confiáveis para real entendimento de potencialidades e mitos sobre as tecnologias que vão mudar o mundo nos próximos anos. No último dia 23, a consultoria internacional Gartner, uma das principais fontes globais sobre tendências no mercado tech, divulgou a versão de 2021 do seu assim chamado “Technology Hype Cycle Chart”. O gráfico, atualizado anualmente pela companhia, traz uma visão sobre o estado atual das principais tecnologias emergentes no mundo, sob a ótica de um ciclo teórico de difusão.

O mais interessante sobre esse ciclo teórico de difusão é que, apesar de ser uma generalização, é muito difícil para qualquer tecnologia escapar do padrão. O que varia, na verdade, é quão rápido cada uma das tecnologias indicadas vai passar por todas as etapas descritas no Hype Cycle Chart. São elas (em tradução livre): (i) technology trigger (gatilho tecnológico); (ii) peak of inflated expectations (pico das expectativas infladas); (iii) trough of disillusionment (vale da desilusão); (iv) slope of enlightenment (curva de aprendizado); (v) plateau of productivity (platô de produtividade).

De maneira muito sucinta, o gatilho tecnológico acontece quando os primeiros sinais de uma inovação tecnológica aparecem na academia ou em alguma área de P&D, seja de startups, grandes corporações ou centros de pesquisa. Na sequência, o pico das expectativas infladas ocorre quando o nível de maturidade da tecnologia ainda é muito baixo, mas a mídia e as redes sociais começam a apontá-la como “salvadora da humanidade”.

A próxima etapa, o vale da desilusão, naturalmente acontece quando as empresas se dão conta de que não existe mágica, e que a aferição de valor com a tecnologia em questão demanda muito tempo, capital e atenção. A curva de aprendizado, por sua vez, ocorre com os avanços e desenvolvimentos incrementais oriundos da frustração da etapa anterior. E finalmente o platô de produtividade acontece quando as soluções e os caminhos para implementação daquela tecnologia já estão maduros, e o risco de adoção é, consequentemente, baixo.

E onde estão as principais tecnologias utilizadas para criação de soluções de inteligência corporativa neste ciclo teórico de difusão? Olhando para o Hype Cycle Chart divulgado no ano passado, tínhamos as tecnologias denominadas embeded AI e explainable AI justamente no pico das expectativas infladas, com previsão para atingir o platô de produtividade respectivamente no período de 2 a 5 anos e 5 a 10 anos.

Considerando que nenhuma dessas tecnologias entrou no gráfico de 2021, teriam elas atingido o vale da desilusão? Ao que tudo indica, sim. Para se ter uma ideia do que isso significa, segundo a Gartner, quando as tecnologias saem do vale da desilusão para entrar na curva de aprendizado, nem 5% dos potenciais consumidores conseguiram completar uma implementação bem-sucedida. Não é fácil ser early adopter.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos