Mercado fechado
  • BOVESPA

    104.343,10
    +3.568,53 (+3,54%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    50.856,92
    +849,76 (+1,70%)
     
  • PETROLEO CRU

    66,85
    +1,28 (+1,95%)
     
  • OURO

    1.769,80
    -14,50 (-0,81%)
     
  • BTC-USD

    56.969,84
    +95,58 (+0,17%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.448,82
    +9,94 (+0,69%)
     
  • S&P500

    4.577,10
    +64,06 (+1,42%)
     
  • DOW JONES

    34.639,79
    +617,75 (+1,82%)
     
  • FTSE

    7.129,21
    -39,47 (-0,55%)
     
  • HANG SENG

    23.788,93
    +130,01 (+0,55%)
     
  • NIKKEI

    27.753,37
    -182,25 (-0,65%)
     
  • NASDAQ

    15.987,75
    +118,00 (+0,74%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,3744
    -0,0724 (-1,12%)
     

Dono da ‘Meu Pé de Bitcoin’ persegue homem com faca na mão

·4 min de leitura
Hélio Caxias corre atrás de investidor com faca na mão
Hélio Caxias corre atrás de investidor com faca na mão

O dono da empresa Meu Pé de Bitcoin, que não paga os rendimentos a clientes desde 2020, ameaçou com faca um investidor do negócio.

O caso aconteceu na última segunda-feira (25) em Manaus, capital do Amazonas, onde Hélio Caxias Ribeiro Filho está morando após aplicar um possível golpe milionário em Pernambuco.

A empresa “Meu Pé de Bitcoin”, que surgiu do nada e até criou um time de futebol amador com seu nome, prometia rendimentos fixos com a imagem do Bitcoin para clientes. Eles utilizavam a imagem de um negócio prospero e de sucesso, mas não passou de um golpe agora confessado por seu dono.

Hélio já era conhecido por ter envolvimentos com a Híbridos Club, empresa que chegou a patrocinar competições de corridas de moto e atuou no mercado brasileiro em 2018. Com promessas de 30% ao mês com trades de Bitcoin, a Híbridos chegou ao fim e ainda deixa um rastro de golpes.

Ele é também alvo de um inquérito que apura um golpe contra a empresária Cris Arcangeli, que envolve o apresentador Álvaro Garneiro.

Hélio Caxias, dono da Meu Pé de Bitcoin, ameaça com faca ex-investidor

Encontrado em Manaus por ex-investidores da Meu Pé de Bitcoin, Hélio Caxias não gostou nem um pouco de ter que esclarecer sobre seu sumiço após o fim do golpe com a Meu Pé de Bitcoin.

Recebendo os clientes em sua casa, Hélio conversou com os investidores, que acabaram recuperando um notebook que estava em sua posse, mas que foi comprado pelo homem que alega ter sido lesado.

Como o equipamento estava em nome do cliente, com comprovação de nota fiscal, ele chegou a ir em uma delegacia de Manaus para registrar um boletim de ocorrência contra Hélio.

Cliente procurou delegacia para registrar Boletim de Ocorrência contra Hélio Caxias
Cliente procurou delegacia para registrar Boletim de Ocorrência contra Hélio Caxias

Mas enquanto ele pegava o notebook, Hélio empunhou uma faca e tentou contra a vida de dois investidores. O vídeo da ação foi gravado por vizinhos de um condomínio, que mostra Hélio correndo atrás do investidor que causou prejuízos em uma tentativa de homicídio.

O caso da Meu Pé de Bitcoin é alvo de um inquérito policial em São Paulo e investidores de várias cidades de Pernambuco já denunciaram ele para autoridades, que ainda nada fizeram para ajudar os lesados por mais essa possível pirâmide financeira que usou a imagem do Bitcoin ao prometer ganhos fáceis e rápidos no mercado.

Após tentativa de assassinato, Hélio confessa o golpe para clientes pelo Instagram

Um dos clientes que conversou com Hélio Caxias após a tentativa de assassinato o questionou se há algum plano de pagamento, mas ele acabou xingando o investidor que acreditou dinheiro a ele e confirmou que tudo não passou de um golpe.

Hélio Caxias dizendo que não vai devolver nada e falando palavrões para investidores
Hélio Caxias dizendo que não vai devolver nada e falando palavrões para investidores

Para outro cliente, que conversou com Hélio Caxias sobre os seus investimentos na Meu Pé de Bitcoin, foi informado que além de nada ser devolvido, ele vai se mudar para Mônaco para viver uma vida de luxo, visto que está aposentado com o dinheiro que captou dos clientes.

Mesmo com o cliente informando que sua mãe está internada na UTI, Hélio declarou que não pode ajudar e disse que deu lição para que pessoas não esperem por dinheiro fácil e rápido.

Hélio Caxias, da Meu Pé de Bitcoin e Híbridos Club confessa golpe para clientes
Hélio Caxias, da Meu Pé de Bitcoin e Híbridos Club confessa golpe para clientes /Reprodução de conversa entre cliente com dono de possível pirâmide financeira
Hélio Caxias confessa que não há planos de devolução de dinheiro da Meu Pé de Bitcoin
Hélio Caxias confessa que não há planos de devolução de dinheiro da Meu Pé de Bitcoin e diz que deu lição em cliente /Reprodução
Cliente pede dinheiro de volta pois está com mãe internado na UTI, mas Hélio Caxias se nega devolver dinheiro
Cliente pede dinheiro de volta pois está com mãe internado na UTI, mas Hélio Caxias se nega devolver dinheiro /Reprodução

O Livecoins procurou conversar com Hélio Caxias sobre o ocorrido, mas ele não respondeu aos questionamentos até o fechamento desta matéria, com o espaço ainda em aberto para manifestações.

Em uma publicação pelo seu Instagram, o acusado pelos clientes de aplicar um golpe milionário e até tentar matar dois deles apenas informou que sua senha havia sido trocada, em uma tentativa de explicar que sua rede social havia sido hackeada quando conversou com clientes.

Hélio Caxias diz que seu Instagram foi hackeado após repercussão de caso envolvendo clientes
Hélio Caxias diz que seu Instagram foi hackeado após repercussão de caso envolvendo clientes

Fonte: Livecoins

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos