Mercado fechado
  • BOVESPA

    108.714,55
    +2.418,37 (+2,28%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.833,80
    -55,86 (-0,11%)
     
  • PETROLEO CRU

    83,66
    -0,10 (-0,12%)
     
  • OURO

    1.808,90
    +12,60 (+0,70%)
     
  • BTC-USD

    62.656,92
    +1.329,97 (+2,17%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.502,82
    +1.260,14 (+519,26%)
     
  • S&P500

    4.566,48
    +21,58 (+0,47%)
     
  • DOW JONES

    35.741,15
    +64,13 (+0,18%)
     
  • FTSE

    7.222,82
    +18,27 (+0,25%)
     
  • HANG SENG

    26.132,03
    +5,10 (+0,02%)
     
  • NIKKEI

    28.600,41
    -204,44 (-0,71%)
     
  • NASDAQ

    15.540,75
    +199,75 (+1,30%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,4483
    -0,1325 (-2,01%)
     

Dona do TikTok pode lançar novo rival para o Spotify ainda em 2021

·2 minuto de leitura

A ByteDance, dona do TikTok, pretende lançar um novo aplicativo de música ainda em 2021. Identificado internamente pelo código “luna”, o aplicativo de streaming é provisoriamente chamado de "Feile" e seria desenvolvido pela mesma equipe da rede social de vídeos curtos.

Ao que sugere um relatório da 36Kr, companhia focada em análises comerciais de empresas da China, a ByteDance pretende entrar de cabeça no segmento de música. A gigante planejaria atuar no licenciamento e no streaming de conteúdo, alcançando também artistas independentes (bem nos moldes de Spotify, Tidal e Deezer) e também no gerenciamento de direitos autorais, negociando direitos sobre transmissão e uso das faixas.

Até agora não se sabe como ele irá se encaixar com o Resso, app de streaming de música da ByteDance lançado em março de 2020. Contudo, o trabalho na nova plataforma viria desde 2019, quando um projeto misterioso “Codename W” foi lançado pela companhia, mas logo abandonado por problemas com direitos autorais.

Resso também está disponível no Brasil e tem um grande apelo pela contribuição do público (Imagem: Reprodução/Resso)
Resso também está disponível no Brasil e tem um grande apelo pela contribuição do público (Imagem: Reprodução/Resso)

O Resso, app de streaming da ByteDance sob a tutela da Moon Video, já é uma plataforma completa e acumula mais de 100 milhões de downloads na Play Store. O serviço conta com criação de playlists, rádios personalizadas e ainda tem um apelo forte pela interação da comunidade, como seção de comentários em músicas, recomendações de faixas e fornecimento voluntário de letras. Lá, a assinatura mensal custa R$ 16,90.

Em julho deste ano, segundo o site Tech Star, a ByteDance também lançou uma plataforma de distribuição de música chamada Starnation. Neste modelo, a dona do TikTok distribui músicas licenciadas e cobra uma comissão sobre a negociação.

As informações ainda são escassas, mas detalhes mais concretos não devem demorar para aparecer. Fato é que a ByteDance, no controle sobre direitos autorais de grandes hits musicais, teria na mão a oportunidade de ouro de não só colocar essas faixas direto em seu ecossistema de aplicativos, como também tirar lucro sobre ele no uso em redes sociais vizinhas, como no Instagram, seu principal rival.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos