Mercado fechado
  • BOVESPA

    122.038,11
    +2.117,50 (+1,77%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    49.249,02
    +314,11 (+0,64%)
     
  • PETROLEO CRU

    64,82
    +0,11 (+0,17%)
     
  • OURO

    1.832,00
    +16,30 (+0,90%)
     
  • BTC-USD

    59.112,44
    +1.673,67 (+2,91%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.480,07
    +44,28 (+3,08%)
     
  • S&P500

    4.232,60
    +30,98 (+0,74%)
     
  • DOW JONES

    34.777,76
    +229,23 (+0,66%)
     
  • FTSE

    7.129,71
    +53,54 (+0,76%)
     
  • HANG SENG

    28.610,65
    -26,81 (-0,09%)
     
  • NIKKEI

    29.357,82
    +26,45 (+0,09%)
     
  • NASDAQ

    13.715,50
    +117,75 (+0,87%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,3651
    -0,0015 (-0,02%)
     

Dona do Google tem lucro de R$ 100 bilhões só nos primeiros três meses de 2021

Felipe Ribeiro
·1 minuto de leitura

A Alphabet, empresa que contra o Google, tem milhões, ou melhor, bilhões de motivos para comemorar. O grupo atingiu lucro de quase US$ 18 bilhões (cerca de R$ 100 bilhões) no primeiro trimestre de 2021, quase três vezes mais do que o mesmo período no ano passado, quando a companhia lucrou US$ 6,84 bilhões (R$ 37 bilhões). Impulsionada pelos anúncios no Google e no YouTube, a receita da Alphabet foi de incríveis US$ 55,31 bilhões (quase R$ 300 bilhões), 34% a mais do que em 2020.

Para que o leitor do Canaltech tenha uma ideia, a Pesquisa Google rendeu US 31,9 bilhões, 30,2% a mais do que no primeiro trimestre de 2020; já os anúncios do YouTube, por outro lado, representaram um aumento de US$ 4,04 bilhões de dólares, totalizando US$ 6 bilhões — melhoria de 48,6%. Os ganhos por ação foram de US$ 26,29, sendo que a projeção inicial indicava algo na casa dos US$ 15.

Até mesmo a receita do Google Cloud apresentou uma melhoria considerável. De acordo com relatório da empresa, o lucro foi de de US$ 2,77 bilhões para US$ 4,05 bilhões. Além disso, a Alphabet contratou 17 mil novos funcionários, mesmo com a pandemia da COVID-19 em altos níveis.

YouTube segue ajudando a Alphabet com lucro (Imagem: Szabó Viktor/Pexels)
YouTube segue ajudando a Alphabet com lucro (Imagem: Szabó Viktor/Pexels)

A expectativa é de que, com o avanço da vacinação nos Estados Unidos e a crescente demanda, a empresa possa ter resultados ainda melhores no próximo quarter.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech: