Mercado fechado
  • BOVESPA

    117.669,90
    -643,10 (-0,54%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    47.627,67
    -560,43 (-1,16%)
     
  • PETROLEO CRU

    59,34
    +0,02 (+0,03%)
     
  • OURO

    1.744,10
    -0,70 (-0,04%)
     
  • BTC-USD

    59.768,26
    +404,32 (+0,68%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.235,89
    +8,35 (+0,68%)
     
  • S&P500

    4.128,80
    +31,63 (+0,77%)
     
  • DOW JONES

    33.800,60
    +297,00 (+0,89%)
     
  • FTSE

    6.915,75
    -26,47 (-0,38%)
     
  • HANG SENG

    28.698,80
    -309,30 (-1,07%)
     
  • NIKKEI

    29.768,06
    +59,06 (+0,20%)
     
  • NASDAQ

    13.811,00
    -18,50 (-0,13%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,7614
    +0,1265 (+1,91%)
     

Dona de escola de teatro, Mara Carvalho conta que dirigiu 1ª peça do seu filho com Antônio Fagundes: 'Me surpreendeu'

Extra
·2 minuto de leitura

No ar na reprise de "A viagem", no Globoplay, Mara Carvalho contou sobre os primeiros passos do filho, Bruno Fagundes como ator. O rapaz, de 31 anos, é filho da atriz com Antônio Fagundes, e iniciou a carreira no teatro dirigido pela própria mãe. Mara, de 59 anos, é dona de uma escola de atores em São Paulo e foi lá que Bruno começou a estudar a profissão.

"Um dia ele levantou e disse: 'mãe, quero ser ator'. E eu falei: por quê, né? Uma vida tão difícil, que tem se dedicar tanto'... Mas eu falei, 'tá bom'. E o levei lá na minha escola de teatro para ver se ele se adaptava. Ele começou a fazer teatro lá, eu dirigi a primeira peça dele, uma peça amadora, de formatura dele, coloquei três meses em cartaz, para que ele e os outros atores da peça tivessem a experiência de fazer uma temporada. Conseguimos fazer três meses de temporada, para ele ter essa experiência do cotidiano do teatro", contou Mara durante uma live no Instagram "Noveleiros real".

"Saquei logo que ele era um cara muito rápido, que todas as referências que eu dava para ele, ele não anotava em lugar nenhum e no dia seguinte fazia tudo, eu assistia todos as noites. Ele era o protagonistas da peça. Comecei a perceber o talento do Bruno aí, a intuição dele, a sensibilidade e o talento para fazer teatro. Ele, cada vez mais foi me surpreendendo como profissional. O Bruno me surpreendeu em todos os trabalhos que ele faz, eu o vejo desabrochar e fico muito orgulhosa de ver que ele entrou no lugar certo, está na profissão certa, e isso é um grande privilégio", disse.

A mãe chegou a trabalhar em outras produções com o filho. A última dela, foi na peça "Baixa terapia", que teve no elenco também, o ex-marido Antônio Fagundes e a atual mulher do ator, Alexandra Martins. A comédia ficou em cartaz por três anos e foi interrompida durante a pandemia.