Mercado abrirá em 3 h 37 min

Dois casos da variante ômicron de coronavírus são detectados no Reino Unido

·1 min de leitura

Por Costas Pitas

LONDRES (Reuters) - Dois casos associados da nova variante do coronavírus ômicron foram detectados no Reino Unido, ligados a uma viagem ao sul da África, disse o ministro da Saúde, Sajid Javid, neste sábado.

A ômicron, classificada como "variante de preocupação" pela Organização Mundial de Saúde na sexta-feira, é potencialmente mais contagiosa do que as variantes anteriores da doença, embora os especialistas não saibam ainda se ela causará uma doença mais ou menos grave em comparação com outras cepas de coronavírus.

"Na noite passada fui contatado pela Agência de Segurança de Saúde do Reino Unido. Fui informado de que eles detectaram dois casos dessa nova variante, a ômicron, no Reino Unido", afirmou ele em uma transmissão.

O Ministério da Saúde disse que dois indivíduos e todos os membros de suas famílias estavam sendo testados novamente. Eles foram orientados a se isolarem enquanto outros testes e rastreamento de contato eram feitos.

A Inglaterra também vai adicionar Malawi, Moçambique, Zâmbia e Angola à sua "lista vermelha" de viagens a partir de domingo, o que significa que os residentes britânicos e irlandeses que chegarem ao país terão de ficar em quarentena num hotel aprovado pelo governo durante 10 dias. Não residentes terão a entrada recusada.

Essa lista já incluía Botswana, Eswatini, Lesotho, Namíbia, África do Sul e Zimbábue.

O primeiro-ministro Boris Johnson, o assessor científico Patrick Vallance e o diretor médico Chris Whitty darão uma entrevista coletiva neste sábado "para estabelecer novas medidas", disse ainda Javid.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos