Mercado fechará em 2 h 36 min

Empresários do mal: documentários e séries que mostram os piores

Poder, dinheiro e Insanidade. Até parece intertítulo de filme ruim, mas a verdade é que tem um monte de empresário vilão de cinema na vida real. Conheça os piores deles retratados em filmes e séries.

Conhece o Pod Assistir? Fique por dentro dos melhores filmes e séries dos streamings

Agora temos perfil no Instagram! Segue a gente

Jeffrey epstein: Poder e Perversão (2020 - Netflix)

O documentário em quatro partes conta a história do bilionário acusado de criar um esquema de prostituição e pedofilia. Ele foi preso em 2019 e cometeu suicídio na cela da prisão. A obra dá voz às vítimas e mostra que as autoridades nos Estados Unidos falharam mais de uma vez em prender o cara.

Máfia dos Tigres (2020 - Netflix)

Outra que fez muito sucesso recentemente. Ela mostra a guerra entre donos de zoológicos de grandes felinos nos EUA em uma trama que envolve até tentativa de assassinato. O "protagonista" Joe Exotic é uma figura bem peculiar. A gente gravou um episódio inteiro sobre essa série, depois dá uma conferida.

Gringo: A Vida Perigosa de John McAfee (2014)

Este documentário é tão absurdo que parece roterizado. O milionário inventor do antivírus se mudou há muito tempo para Belize, na América Central, e cometeu praticamente todo o tipo de crime por lá. McAfee foi acusado de matar o vizinho, sequestro, estupro e até de formar uma milícia para tomar a presidência do país.

Fyre Festival: Fiasco no Caribe (2019 - Netflix)

Em 2017, o empresário Billy Mcfarland prometeu a melhor experiência do mundo: um festival de música em uma ilha do caribe com artistas consagrados, alimentação preparada por chefs famosos e acomodações dignas de Pinterest. A realidade foi bem diferente, e o documentário homônimo da Netflix mostra como o cara enganou o mundo todo.

Siga o Yahoo Vida e Estilo no Instagram, Facebook, Twitter e YouTube e aproveite para se logar e deixar aqui abaixo o seu comentário.