Mercado abrirá em 2 h 20 min
  • BOVESPA

    113.282,67
    -781,33 (-0,68%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.105,71
    -358,59 (-0,70%)
     
  • PETROLEO CRU

    75,03
    +1,05 (+1,42%)
     
  • OURO

    1.748,60
    -3,10 (-0,18%)
     
  • BTC-USD

    43.826,86
    +824,67 (+1,92%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.091,38
    -11,68 (-1,06%)
     
  • S&P500

    4.455,48
    +6,50 (+0,15%)
     
  • DOW JONES

    34.798,00
    +33,20 (+0,10%)
     
  • FTSE

    7.067,11
    +15,63 (+0,22%)
     
  • HANG SENG

    24.208,78
    +16,62 (+0,07%)
     
  • NIKKEI

    30.240,06
    -8,75 (-0,03%)
     
  • NASDAQ

    15.274,75
    -44,00 (-0,29%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,2461
    -0,0095 (-0,15%)
     

Djokovic estreia em Tóquio com vitória tranquila sobre boliviano Dellien

·1 minuto de leitura
O sérvio Novak Djokovic devolve a bola para o boliviano Hugo Dellien, na partida da primeira rodada dos Jogos Olímpicos de Tóquio-2020 no Ariake Tennis Park em Tóquio, em 24 de julho de 2021

O número 1 do mundo Novak Djokovic começou sua trajetória rumo ao ouro olímpico no tênis com uma vitória tranquila sobre o boliviano Hugo Dellien (nº 139), por dois sets a 0 (6-2 e 6-2), neste sábado, em Tóquio.

Era uma missão praticamente impossível para Dellien diante do vencedor nesta temporada do Aberto da Austrália, de Roland Garros e de Wimbledon, que busca em Tóquio um título que lhe permitirá continuar sonhando com o Golden Slam.

Se conquistar a medalha de ouro em Tóquio, Djoko só vai precisar vencer o US Open para repetir a façanha da alemã Steffi Graff, a única na história a vencer todos os quatro torneios do Grand Slam e o ouro olímpico no mesmo ano, em 1988.

Djokovic precisou de apenas uma hora para eliminar Dellien, de 28 anos, que enfrentou o sérvio pela primeira vez.

O roteiro da partida foi muito semelhante nos dois sets: Djokovic conseguiu quebrar o saque do adversário antes da metade dos dois sets e fechou a parcial com um 'break point'.

Dellien, por sua vez, nem teve uma bola para tentar quebrar o saque do sérvio, que se mostrou muito eficiente, com 7 aces.

O próximo adversário de Djokovic será o alemão Jan-Lennard Struff (nº 48), que eliminou o brasileiro Thiago Monteiro (nº 95) por 6-3 e 6-4.

mcd/psr/aam

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos