Mercado abrirá em 7 h 11 min
  • BOVESPA

    112.282,28
    +2.032,55 (+1,84%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.338,34
    +510,21 (+1,00%)
     
  • PETROLEO CRU

    72,50
    +0,27 (+0,37%)
     
  • OURO

    1.766,50
    -12,30 (-0,69%)
     
  • BTC-USD

    43.878,54
    +1.945,23 (+4,64%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.104,27
    +63,79 (+6,13%)
     
  • S&P500

    4.395,64
    +41,45 (+0,95%)
     
  • DOW JONES

    34.258,32
    +338,48 (+1,00%)
     
  • FTSE

    7.083,37
    +102,39 (+1,47%)
     
  • HANG SENG

    24.328,11
    +106,57 (+0,44%)
     
  • NIKKEI

    29.639,40
    -200,31 (-0,67%)
     
  • NASDAQ

    15.200,75
    +37,25 (+0,25%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,2189
    +0,0101 (+0,16%)
     

Distribuição de reservas de US$650 bi do FMI é aprovada em medida "sem precedentes"

·1 minuto de leitura
Diretora-gerente do FMI, Kristalina Georgieva

WASHINGTON (Reuters) - O Fundo Monetário Internacional disse na segunda-feira que seu conselho de diretores aprovou a alocação de 650 bilhões de dólares em Direitos Especiais de Saque (SDRs, na sigla em inglês) e disse que sua maior distribuição de reservas monetárias até o momento entrará em vigor em 23 de agosto.

Os países membros do FMI receberão SDRs -- a unidade monetária do Fundo, lastreada em dólares, euros, ienes, libras e iuanes -- na proporção de suas cotas de participação no FMI. A aprovação de segunda-feira por todos os 190 países membros do FMI era há muito esperada.

"A alocação de SDRs beneficiará todos os membros, atenderá à necessidade global de longo prazo por reservas, criará confiança e estimulará a resiliência e estabilidade da economia global", disse a diretora-gerente do FMI, Kristalina Georgieva, em um comunicado.

(Por David Lawder; reportagem adicional de Michael Nienaber)

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos