Mercado fechado
  • BOVESPA

    107.913,40
    +355,73 (+0,33%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    50.931,71
    +13,43 (+0,03%)
     
  • PETROLEO CRU

    72,50
    +0,45 (+0,62%)
     
  • OURO

    1.786,50
    +1,80 (+0,10%)
     
  • BTC-USD

    50.686,73
    -450,32 (-0,88%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.320,90
    +15,79 (+1,21%)
     
  • S&P500

    4.692,94
    +6,19 (+0,13%)
     
  • DOW JONES

    35.695,77
    -23,66 (-0,07%)
     
  • FTSE

    7.337,05
    -2,85 (-0,04%)
     
  • HANG SENG

    23.996,87
    +13,21 (+0,06%)
     
  • NIKKEI

    28.860,62
    +405,02 (+1,42%)
     
  • NASDAQ

    16.333,75
    +15,75 (+0,10%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,2858
    -0,0539 (-0,85%)
     

Disputa Judicial nos EUA pode revelar identidade do criador do Bitcoin

·3 min de leitura

O mundo das criptomoedas está agitado. Uma ação judicial envolvendo cerca de US$ 66 bilhões (R$ 363 bilhões na conversão atual) em criptoativos, que está correndo em um tribunal da Flórida, pode revelar a identidade por trás do pseudônimo Satoshi Nakamoto, nome usado pelo criador do Bitcoin (BTC).

Satoshi Nakamoto permaneceu ativo no processo de desenvolvimento do Bitcoin por dois anos, participando no fórum oficial da criptomoeda e se comunicando com os desenvolvedores e usuários, até que, após uma última postagem, ele desapareceu em dezembro de 2010.

<em>A última mensagem de Satoshi Nakamoto. (Imagem: Captura de Tela/Dácio Augusto/Canaltech)</em>
A última mensagem de Satoshi Nakamoto. (Imagem: Captura de Tela/Dácio Augusto/Canaltech)

Agora, a família do falecido David Kleiman e seu ex-parceiro de negócios Craig Wright, pioneiro da criptografia, que afirmam serem os criadores da criptomoeda, estão disputando na Justiça o direito total a carteia digital de Nakamoto, que conta com mais de 1,1 milhão BTC (R$ 363 bilhões), uma das maiores fortunas privadas do mundo.

Wright afirma ser o criador do Bitcoin e quem usava o pseudônimo, enquanto a família de Kleiman diz que o falecido David atuou em conjunto com o pioneiro da criptografia para criar a criptomoeda.

A peça chave da disputa é uma carta de nove páginas escrita em outubro de 2008, de autoria de Satoshi Nakamoto, explicando o funcionamento da blockchain, parte importante da rede Bitcoin.

A família de Kleiman afirma no processo que David foi recrutado para ajudar a escrever a carta explicativa e lançar o negócio, além de que o falecido, em 2011, constituiu em parceria com Wright a empresa W&K Info Defense Research. Craig, por outro lado, reivindicou propriedade total da companhia e afirma ser o único criador de todo o sistema do Bitcoin.

A comunidade Bitcoin duvida que qualquer um dos envolvidos no processo tenham o conhecimento técnico para serem os responsáveis pela criação do Bitcoin. Além disso, desde 2016 os comentários de Wright sobre ser a identidade de Nakamoto são considerados falsos, com os entusiastas afirmando que a única maneira deste fato ser provado é com o uso da chave privada da carteira digital que está sendo disputada, que permitiria acesso aos ativos.

Se ajustiça decidir em favor da família Kleiman, Wright será obrigado a ceder a chave, e caso ele não tenha acesso, os seus quase seis anos de mentira serão expostos.

O verdadeiro Satoshi

Rumores sobre a identidade do criador do Bitcoin são constantes. Em setembro, uma movimentação em uma carteira de Bitcoin, que estava sem atividades há quase nove anos, gerou comentários que Nakamoto estava voltando a movimentar seus bens, embora nada tenha sido comprovado. Em 2020, algo semelhante aconteceu, quando uma carteira com ativos digitais minerados em fevereiro de 2009, um mês depois da criação da criptomoeda, fez uma movimentação que rendeu US$ 500 mil para o dono dela. Pela data de extração dos ativos, muitos consideraram que ela pertencia ao criador da moeda digital, mas também não houve forma de confirmar essa informação.

Outro exemplo foi em 2017, com usuários falando que Elon Musk era a verdadeira identidade do criador do Bitcoin. O excêntrico bilionário desmentiu a informação em seu perfil no Twitter. A realidade, no fim é que Nakamoto fez um trabalho tão bom em se manter anônimo, que sua identidade pode ser um mistério para sempre, mesmo que pessoas tentem ao máximo assumir os créditos pela sua criação.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos