Mercado fechado

Disney fecha em queda em NY após anunciar 28 mil demissões

Ana Luiza de Carvalho
·1 minuto de leitura

A companhia afirma que no segundo trimestre deste ano teve prejuízo de US$ 4,72 bilhões, ante lucro de US$ 1,43 bilhão no mesmo período de 2019 As ações da Walt Disney Company na bolsa de Nova York fecharam em queda de 1,05% nesta quarta-feira (30), cotadas a US$ 124,08. A empresa anunciou, ontem, que realizará 28 mil demissões em razão do fechamento de seu principal parque, o Disneyland, durante a pandemia da covid-19 — o lugar, localizado na Califórnia, é o único dos parques temáticos da empresa que ainda não retomou pelo menos parte das suas atividades. O ritmo de queda foi mais acentuado no começo do dia, quando os papéis recuaram 2,40% no pré-mercado da Bolsa de Nova York (Nyse). A companhia afirma que no segundo trimestre deste ano teve prejuízo de US$ 4,72 bilhões, ante lucro de US$ 1,43 bilhão no mesmo período de 2019. Segundo a empresa, o parque temático Disneyland possui 80 mil empregados.