Mercado fechado
  • BOVESPA

    111.439,37
    -2.354,63 (-2,07%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.307,71
    -884,59 (-1,69%)
     
  • PETROLEO CRU

    71,71
    -0,26 (-0,36%)
     
  • OURO

    1.753,40
    +2,00 (+0,11%)
     
  • BTC-USD

    47.218,27
    -1.086,34 (-2,25%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.193,48
    -32,05 (-2,61%)
     
  • S&P500

    4.432,99
    -40,76 (-0,91%)
     
  • DOW JONES

    34.584,88
    -166,42 (-0,48%)
     
  • FTSE

    6.963,64
    -63,84 (-0,91%)
     
  • HANG SENG

    24.920,76
    +252,96 (+1,03%)
     
  • NIKKEI

    30.500,05
    +176,75 (+0,58%)
     
  • NASDAQ

    15.323,25
    -2,75 (-0,02%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,1958
    -0,0036 (-0,06%)
     

Disney dá pistas de combo com Disney+ e Star+ no Brasil

·3 minuto de leitura

O Star+, novo serviço de streaming da Disney, está com lançamento marcado para o dia 31 de agosto e a empresa começou a dar pistas sobre possíveis pacotes de compra com o Disney+. Ao que tudo indica, o consumidor que optar por assinar as duas plataformas e já tiver uma assinatura vigente do Disney+ poderá obter o Star+ por um valor menor.

De acordo com o Almanaque Disney, a companhia teria atualizado o contrato de compra do Star+ no Brasil. A oferta se chama COMBO+ e, embora não haja indicativos de preço, aparentemente quem adquiriu o Disney+ por um valor promocional no mês de lançamento ainda poderá participar desse valor especial. Confira abaixo:

Este conteúdo não está disponível devido às suas preferências de privacidade.
Para vê-los, atualize suas configurações aqui.

Além disso, há rumores de que o preço dessa assinatura conjunta do Disney+ com o Star+ seja de R$ 45 mensais. Vale lembrar que já existe um combo com o preço similar no Brasil envolvendo o Disney+, mas em conjunto com o Globoplay: o assinante que desejar assinar ambos serviços pode adquirir um pacote por R$ 43,90.

Este conteúdo não está disponível devido às suas preferências de privacidade.
Para vê-los, atualize suas configurações aqui.

O Star+ teve a data de chegada ao Brasil anunciada em maio. De acordo com a nota oficial da empresa, o streaming será o lar de estreias exclusivas de séries de TV e filmes de entretenimento geral dos estúdios de conteúdo da The Walt Disney Company, incluindo Disney Television Studios, FX, 20th Century Studios, STAR Original Productions, National Geographic Original Productions e também englobará programas esportivos ao vivo dos canais ESPN.

No anúncio realizado em 2020, títulos como Logan e Deadpool aparecerão entre as opções da aba da Marvel no Disney+. Entre as séries, a biblioteca deve incluir sucessos como Grey's Anatomy, Lost, Arquivo X, 24 Horas, Black-ish, Scandal entre muitos títulos cujos estúdios variam entre a ABC Signature e a Twentieth Television (ambas do Disney Television Studios), FX Productions, 20th Century Studios e Searchlight Pictures. Séries originais do Hulu também devem compor o catálogo do Star, como Love, Victor, Big Sky e Solar Opposites.

Briga judicial com o Starzplay

As informações do COMBO+ chegam ao público no fim de semana seguinte tomado pela polêmica envolvendo o Star+ e o Starzplay, serviço de streaming que no Brasil é integrado ao Prime Channels e distribui séries como The Act, The Great e Normal People. De acordo com uma decisão judicial, a Disney estaria proibida de utilizar o nome "Star+" em território nacional justamente pelo risco do consumidor confundir ambos produtos.

Mesmo assim, a empresa mantém a data de lançamento do streaming para 31 de agosto. Na internet, os usuários brasileiros já começaram a notar diferenças no site do serviço.

Este conteúdo não está disponível devido às suas preferências de privacidade.
Para vê-los, atualize suas configurações aqui.

O Canaltech entrou em contato com a Disney no Brasil na última terça-feira (27), que disse não comentar o caso.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos