Mercado fechado

Diretor de mobile será o novo CEO da LG

Felipe Demartini

Tem dança das cadeiras mais uma vez na LG, com Brian Kwon, o atual diretor de mobile da companhia, sendo apontado como seu novo CEO. A mudança acontece a partir da próxima segunda-feira (01) e antes mesmo de o executivo completar dois anos em um cargo que assumiu em 2018, já em meio às baixas vendas e os problemas de penetração do segmento de smartphones da marca sul-coreana.

Ele chegou em um período de mudanças para substituir Hwang Jeong-hwan, que também ficou pouco tempo no posto e é diretor de pesquisa e desenvolvimento de produtos. O executivo dirigiu o setor mobile da LG por cerca de um ano, antes de ser substituído por Kwon, que assumiu a função juntamente com sua liderança no setor de entretenimento doméstico, que exerce desde 2014 e concentra a bem-sucedida carteiras de televisores da companhia e outros equipamentos para a casa.

Brian Kwon, atual diretor mobile da LG, assume o posto de CEO da companhia a partir de dezembro (Imagem: Divulgação/LG)

Agora, estes departamentos passam a ter um pai cada um. A partir do dia 1º de dezembro, Morris Lee passará a atender pelo segmento de smartphones da LG, enquanto Park Hyoung-sei estará à frente da divisão de entretenimento doméstico. Kwon coordenará os esforços da companhia como um todo que, mesmo com a boa performance de seus setores principais, passa por um período de reestruturação para alavancar vendas e dar mais focos aos produtos com grande potencial.

Esse, inclusive, deve ser um dos motivos pelos quais Kwon foi escolhido como o novo CEO, já que era exatamente esse o trabalho que ele vinha fazendo como diretor de mobile da LG. Em meio às dificuldades de fazer com que os dispositivos da marca vingassem, ele iniciou um processo de reorganização que teve como principal reflexo uma diminuição nas perdas ao longo dos três primeiros trimestres deste ano.

Morris Lee (esquerda) assume a divisão mobile da LG, enquanto Park Hyoung-sei (direita) será o novo diretor do setor de entretenimento doméstico (Imagens: Steve Makris e Divulgação/LG)

Além disso, de forma paralela aos smartphones, surgiu o foco em dispositivos inteligentes que representam, também, uma sinergia entre o departamento mobile e outros segmentos da empresa. A Internet das Coisas conversa com os setores de entretenimento e eletrodomésticos e, sendo assim, apresentam novas oportunidades de inovação para a LG, algo que resulta, obviamente, em ganhos.

Kwon já tem mais de três décadas de experiência na LG, tendo passado por diferentes setores de planejamento e negócios antes de sua passagem vista com ótimos olhos na divisão de entretenimento doméstico, que o levou também à de smartphones. Nativo da Coreia do Sul, ele também já ocupou o cargo de diretor dos negócios da empresa no Reino Unido.

Lee, o novo diretor mobile, também passou por diferentes postos nos negócios de televisores, TI e mobile da LG, com seu principal trabalho sendo a vice-presidência executiva da companhia, que ocupava há cinco anos. Já Park carrega nas costas 25 anos de trabalhos com TVs, PCs e monitores focados no mercado americano, sendo visto como um dos principais agentes da expansão internacional da fabricante.

Outras mudanças também aconteceram na estrutura interna da companhia. William Cho, que era o diretor do braço norte-americano da LG, agora passará a ocupar o cargo de Chief Strategy Officer, recém-criado e voltado para a criação de estratégias internacionais que também acompanhem o novo foco da companhia. Já Bae Doo-yong é o novo CFO, saído diretamente do setor de gestão e tributos.


Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech: