Diretor financeiro do Barclays pode deixar cargo

O diretor financeiro do Barclays, Chris Lucas, deve deixar o cargo em breve, informou uma fonte à Dow Jones. A empresa vai anunciar a decisão de Lucas ao mercado nesta segunda-feira e já contratou headhunters para encontrar um sucessor, complementou a fonte. Lucas permanecerá no cargo até que seu substituto seja encontrado.

A decisão de Lucas de deixar o Barclays ocorre no momento em que o banco permanece no foco de vários escândalos de corrupção surgidos no ano passado.

O banco está sob investigação da Serious Fraude Office (SFO) pelas condições sobre a captação de recursos junto à Qatar Holding LLC, que pertence ao fundo de fortunas Qatar Investment Authority. Lucas é um dos quatro atuais e ex-funcionários sob investigação pela Autoridade de Serviços Financeiros do Reino Unido (FSA).

O Barclays também foi multado em 290 milhões de libras (US$ 455 milhões) por manipular a Libor - a taxa de juros interbancária fixada diariamente em Londres - e seu equivalente europeu, o Euribor, entre 2005 e 2009. Mas segundo a fonte, a decisão de Lucas de deixar o banco não está relacionada às investigações da FSA ou SFO. Lucas não estava disponível quando foi procurado pela Dow Jones.

Diretor financeiro do Barclays desde 2007, Lucas é o último dos principais diretores da instituição que ainda permanece no banco desde que o escândalo da Libor veio a público. O diretor executivo Bob Diamond, o presidente do conselho, Marcus Agius e o diretor operacional Jerry del Missier deixaram o banco ano passado. As informações são da Dow Jones.

Carregando...