Dilma reage com bom humor a conto de Natal do FT

A presidente Dilma Rousseff reagiu com bom humor e brincadeiras às ironias de um dos blogs do jornal britânico "Financial Times", que colocou ela e o ministro da Fazenda, Guido Mantega, como personagens centrais de conto de fim de ano. No texto, Dilma é uma rena chamada "Roussolph" e Mantega é "Guido, o Elfo vidente", por causa das previsões não confirmadas para o crescimento.

Dilma rejeitou a sugestão de que o México seja o condutor do trenó do crescimento nas Américas, como sugere o blog. "Vai querendo", reagiu Dilma, ao ser questionada se achava que o Brasil poderia perder a preponderância da economia da região para os mexicanos. O conto começa com o Papai Noel avisando a todos que a equipe do trenó será a mesma do ano passado, com exceção do representante da América Latina. "Será Peña Nieto (presidente do México), que assume o lugar de Roussolph", cita o texto publicado pelo blog.

Durante café da manhã com jornalistas, ao ser questionada se havia visto a sátira, a presidente disse que achou "estranho" ela ser a rena do conto. "Aqui no Brasil nem tem rena", brincou, comentando que gostaria de ter sido caracterizada como "um anãozinho". Admitiu também, que poderia ser um elfo. Ao ser lembrada que o ministro Mantega já tinha sido escolhido como o elfo, respondeu: "Então, eu poderia ser uma elfa", que auxilia o Papai Noel na distribuição dos presentes.

Ao contrário da reação furiosa que teve no início do mês, quando a presidente Dilma reagiu com veemência às críticas à economia brasileira, ao baixo PIB, e ao pedido de demissão do ministro Guido Mantega, publicados pela revista britânica "The Economist", a presidente Dilma mostrou-se à vontade para comentar a sátira do Papai Noel. "Não se incomodem com isso. A rena é bem engraçadinha", comentou.

Carregando...