Dilma reafirma que Brasil vai crescer, e crescer muito

São Paulo, 25/01/2013 - Durante evento na capital paulista nesta sexta-feira, a presidente Dilma Rousseff voltou a afirmar que a economia brasileira irá registrar expansão, mesmo contra a vontade daqueles que estão apostando o contrário. "Eu acredito muito que o Brasil vai crescer, e crescer muito, mesmo que tenha gente que fique pessimista, que fale que não irá crescer. Já está crescendo e cada vez mais irá crescer para garantir renda e emprego para a população", disse.

A presidente também voltou a comentar a redução na tarifa de energia elétrica, de 18% para o consumidor, e de 32% para a indústria. Segundo ela, o governo promoveu a desoneração porque é capaz de fazê-la. "Nós baixamos a conta de luz porque podíamos. Isso vai ser uma coisa boa para o Brasil continuar crescendo."

Um pouco antes do discurso de Dilma, o prefeito de São Paulo, Fernando Haddad, também abordou o assunto, ao elogiar a postura da presidente de fazer um pronunciamento à nação, na última quarta-feira (23). "Muita gente duvidou que fosse possível, que fosse acontecer o inimaginável e a senhora o fez. Não fez propriamente uma mágica", afirmou, completando que pediu ao secretário de Finanças, Marcos Cruz, para calcular a redução nas contas dos paulistanos. "O comércio e as famílias vão economizar R$ 1,9 milhão por ano", estimou.

Carregando...