Dilma diz que governo buscará racionalidade nos tributos

A presidente Dilma Rousseff disse, nesta quarta-feira, que, neste ano, o governo vai buscar uma "racionalidade nos tributos". O comentário foi feito durante discurso da presidente na 40ª reunião do Conselho de Desenvolvimento Econômico e Social (C.

"Nesse ano buscaremos isso: racionalidade nos tributos. Não temos todo o dinheiro do mundo para fazer desoneração, mas, no ano passado, fizemos desonerações significativas, o que não conseguimos fazer é tudo de uma vez só. Não é razoável, provoca desequilíbrio", disse a presidente Dilma.

Dilma Rousseff voltou a destacar os programas de investimentos em rodovias, ferrovias e portos, dizendo que espera "que esse esforço tenha resultado". "Acreditamos que o modelo de rodovias é simples, já testado. Precisamos de ferrovias, é impossível continuar transportando minério, impossível continuar transportando grãos, só por estrada, temos de ter ferrovias e hidrovias. Estamos fazendo 10 mil quilômetros de ferrovias para quem tem o que temos, mas para o que precisamos é pouco. Essa é a primeira etapa do programa, teremos de fazer uma segunda", disse Dilma.

Segundo Dilma, o governo está "consciente" de que o volume de investimentos necessários em infraestrutura é "vultoso". "Por isso é importante que esses investimentos sejam benfeitos, com estabilidade jurídica clara, remunerado devidamente, com financiamento de longo prazo. Já temos estrutura de financiamento e vamos buscar novas formas e instrumentos. Temos de ter taxas compatíveis com financiamentos de 35 anos", afirmou.

Sobre portos, a presidente Dilma defendeu que as mudanças previstas na medida provisória 595 não retiram direitos de trabalhadores e sim implicam em abrir a concorrência do setor. "Temos de abrir os portos, temos custos desnecessários nos portos", observou. Dilma Rousseff reiterou que é "imprescindível" que o País tenha uma "estrutura regional de aeroportos".

Ao falar da questão da energia, Dilma lembrou que há a previsão de três leilões para este ano. "Vamos manter as licitações de energia elétrica, vamos dar esse ano uma importância estratégica para a questão do etanol", afirmou, sendo interrompida por aplausos.

cotações recentes

 
Cotações recentes
Símbolo Preço Variação % Var 
Seus tickers vistos mais recentemente aparecerão aqui automaticamente se você digitou um ticker no campo "Inserir símbolo/empresa" na parte inferior deste módulo.
É necessário permitir os cookies do seu navegador para ver as cotações mais recentes.
 
Entre para ver as cotações nos seus portfólios.

Resumo do Mercado

  • Moedas
    Moedas
    NomePreçoVariação% Variação
    3,2282-0,01-0,31%
    USDBRL=X
    3,5946-0,0128-0,35%
    EURBRL=X
    0,89720,000,00%
    USDEUR=X
  • Commodities
    Commodities
    NomePreçoVariação% Variação

Destaques do Mercado

  • Líderes em Volume
    Líderes em Volume
    NomePreçoVariação% Variação
    13,15+0,06+0,46%
    PETR4.SA
    14,78-0,34-2,25%
    VALE5.SA
    3,41+0,03+0,89%
    USIM5.SA
    3,710,000,00%
    GOAU4.SA
    9,22+0,02+0,22%
    GGBR4.SA
  • Altas %
    Altas %
    NomePreçoVariação% Variação
    12,09+1,83+17,84%
    MNDL3.SA
    1,00+0,09+9,89%
    TIET1.SA
    1,66+0,10+6,41%
    JHSF3.SA
    21,48+1,60+8,05%
    BRKM3.SA
    495,00+35,00+7,61%
    DOMC11.SA
  • Baixas %
    Baixas %
    NomePreçoVariação% Variação
    61,08-18,52-23,27%
    SPTW11.SA
    3,52-0,23-6,13%
    JBDU4.SA
    3,96-0,21-5,04%
    TIET12.SA
    2,55-0,01-0,39%
    ATOM3.SA
    68,00-2,00-2,86%
    JRDM11B.SA