Mercado fechado
  • BOVESPA

    111.439,37
    -2.354,91 (-2,07%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.307,71
    -884,62 (-1,69%)
     
  • PETROLEO CRU

    71,96
    -0,65 (-0,90%)
     
  • OURO

    1.753,90
    -2,80 (-0,16%)
     
  • BTC-USD

    48.662,34
    +1.049,57 (+2,20%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.193,48
    -32,05 (-2,62%)
     
  • S&P500

    4.432,99
    -40,76 (-0,91%)
     
  • DOW JONES

    34.584,88
    -166,44 (-0,48%)
     
  • FTSE

    6.963,64
    -63,84 (-0,91%)
     
  • HANG SENG

    24.920,76
    +252,91 (+1,03%)
     
  • NIKKEI

    30.500,05
    +176,71 (+0,58%)
     
  • NASDAQ

    15.282,75
    -226,75 (-1,46%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,1994
    +0,0146 (+0,24%)
     

Diesel volta a subir nos postos em julho; alta no ano chega a R$1/l, diz Ticket Log

·2 minuto de leitura
Posto de gasolina no Rio

SÃO PAULO (Reuters) - O preço médio do diesel comum nos postos de combustíveis do Brasil avançou 1,55% em julho frente ao fechamento do mês anterior, renovando o patamar mais elevado desde o início do ano, indicou a Ticket Log nesta segunda-feira.

De acordo com o índice de preços da companhia, marca de gestão de frotas e soluções de mobilidade da Edenred Brasil, o diesel terminou julho com valor médio de 4,803 reais por litro nas bombas.

Ao final da primeira quinzena do mês passado, o levantamento da Ticket Log --baseado em abastecimentos realizados por 1 milhão de veículos administrados pela marca em 21 mil postos credenciados-- já indicava que o diesel comum havia batido o maior nível do ano até então, a 4,775 reais/litro.

O patamar de fechamento de julho representa, ainda de acordo com a empresa, um aumento de 0,96 real por litro se comparado com o preço médio visto em dezembro do ano passado. De lá para cá, disse a Ticket Log, houve um aumento de 25% no preço do combustível mais consumido do Brasil.

O preço médio do diesel S-10, que possui menor teor de enxofre, também avançou em julho --com alta de 1,61%, foi comercializado a 4,860 reais por litro, segundo o levantamento.

"Ambos os tipos do combustível apresentaram aumentos em todas as regiões do país", afirmou em nota o head de Mercado Urbano da Edenred Brasil, Douglas Pina.

O preço mais alto para ambos os tipos de diesel foi verificado na região Norte, enquanto o Sul possui o valor médio mais baixo. Os aumentos mais expressivos em julho foram registrados no Nordeste, com o Norte verificando as menores elevações.

A pesquisa também indicou que em nenhum Estado brasileiro foi registrado recuo nos preços dos dois tipos do combustível no período.

(Por Gabriel Araujo)

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos