Mercado fechado
  • BOVESPA

    110.909,61
    +2.127,46 (+1,96%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    50.174,06
    -907,27 (-1,78%)
     
  • PETROLEO CRU

    78,80
    +0,60 (+0,77%)
     
  • OURO

    1.763,10
    -0,60 (-0,03%)
     
  • BTC-USD

    16.477,06
    +316,89 (+1,96%)
     
  • CMC Crypto 200

    389,99
    +1,26 (+0,32%)
     
  • S&P500

    3.957,63
    -6,31 (-0,16%)
     
  • DOW JONES

    33.852,53
    +3,07 (+0,01%)
     
  • FTSE

    7.512,00
    +37,98 (+0,51%)
     
  • HANG SENG

    18.204,68
    +906,74 (+5,24%)
     
  • NIKKEI

    27.848,91
    -178,93 (-0,64%)
     
  • NASDAQ

    11.512,25
    -12,50 (-0,11%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,4607
    +0,0041 (+0,08%)
     

Destaque da NASA: "Lua de Sangue" avermelhada é a foto astronômica do dia

O eclipse lunar total ocorrido no início desta semana é o destaque do site Astronomy Picture of the Day nesta quinta-feira (10). Uma bela imagem do fenômeno foi capturada do Observatório Nacional Kitt Peak, nos Estados Unidos, e mostra o início, meio e fim da trajetória da Lua pela umbra terrestre.

Estes fenômenos ocorrem quando o Sol, a Terra e a Lua ficam alinhados, com nosso satélite natural mergulhado na sombra terrestre. A fase total do eclipse durou mais de uma hora, e na composição de imagens capturadas pelo observatório, ela aparece registrada da direita para a esquerda.

Confira:

Lua avermelhada durante o último eclipse lunar de 2022 (Imagem: Reprodução/KPNO / NOIRLab / NSF / AURA / Petr Horalek (Institute of Physics in Opava)
Lua avermelhada durante o último eclipse lunar de 2022 (Imagem: Reprodução/KPNO / NOIRLab / NSF / AURA / Petr Horalek (Institute of Physics in Opava)

Enquanto estava coberta pela umbra, a parte mais escura da sombra da Terra, a Lua ficou com coloração avermelhada. No caso deste eclipse, a fase total foi visível somente para observadores na América Central, América do Norte e Equador.

Já no caso do Brasil, somente os observadores no Acre, perto da divisa com o Peru, puderam acompanhar a Lua ficando avermelhada. Para quem estava na região norte do país, foi possível observar um eclipse lunar parcial, no qual somente parte do disco lunar ficou coberta pela umbra.

Por que a Lua fica vermelha durante o eclipse lunar?

Uma das características mais interessantes do eclipse lunar total é a mudança da cor aparente da Lua. Durante a fase total, a luz solar passa pela atmosfera terrestre e é refratada, de modo que as cores com comprimentos de onda mais curtos são dispersas.

Já aquelas com comprimentos de onda mais longos, como o vermelho e o laranja, conseguem passar pela atmosfera. Assim, a luz laranja e vermelha é refratada pela Terra, chegando à Lua e conferindo a cor avermelhada a ela — é daí que vem o apelido “Lua de Sangue”.

Neste eclipse, nosso satélite natural ficou com cor ainda mais vermelha, como um possível resultado das cinzas na atmosfera expelidas pelo vulcão Hunga Tonga–Hunga Ha'apai, no ano passado.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech: