Mercado fechará em 1 h 22 min
  • BOVESPA

    113.286,32
    +1.013,31 (+0,90%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    54.491,75
    -29,68 (-0,05%)
     
  • PETROLEO CRU

    78,74
    +0,84 (+1,08%)
     
  • OURO

    1.945,30
    +6,10 (+0,31%)
     
  • BTC-USD

    23.132,79
    -32,78 (-0,14%)
     
  • CMC Crypto 200

    525,33
    +6,53 (+1,26%)
     
  • S&P500

    4.048,88
    +31,11 (+0,77%)
     
  • DOW JONES

    33.883,62
    +166,53 (+0,49%)
     
  • FTSE

    7.771,70
    -13,17 (-0,17%)
     
  • HANG SENG

    21.842,33
    -227,40 (-1,03%)
     
  • NIKKEI

    27.327,11
    -106,29 (-0,39%)
     
  • NASDAQ

    12.074,75
    +106,75 (+0,89%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,5269
    -0,0201 (-0,36%)
     

Destaque da NASA: aurora boreal em espiral é a foto astronômica do dia

A imagem em destaque no site Astronomy Picture of the Day nesta quarta-feira (11) revela uma aurora boreal iluminando o céu de Gatklettur, na Islândia. Além de suas cores, a aurora chama a atenção pelo seu formato, que lembra uma espiral se estendendo pelo céu.

O fotógrafo conseguiu registrar esta aurora enquanto passou uma semana na Islândia em busca destas luzes. A estadia valeu a pena: ele descreveu que nunca havia visto uma aurora tão brilhante e colorida dançando no céu!

Confira:

Aurora boreal fotografa na Islândia (Imagem: Reprodução/Stefano Pellegrini)
Aurora boreal fotografa na Islândia (Imagem: Reprodução/Stefano Pellegrini)

Se você observar bem, verá que esta aurora tem diferentes cores. Elas variam conforme alguns fatores, como a altitude, os gases atmosféricos, entre outros. Os tons de verde, por exemplo, são resultados das interações das partículas eletricamente carregadas do Sol com o oxigênio, enquanto o hélio e hidrogênio causam tons de azul.

Além da aurora boreal, a foto traz também algumas estrelas ao fundo. Devido à rotação do nosso planeta, elas parecem girar lentamente ao redor de Polaris, estrela conhecida como a “Estrela do Norte”.

O que é a aurora boreal?

As auroras boreais ocorrem graças ao Sol: além de nos enviar luz e calor, nossa estrela libera também inúmeras partículas eletricamente carregadas, que viajam pelo Sistema Solar. Ao chegar aqui, grande parte delas encontra o campo magnético terrestre.

Quando parte da energia e partículas do Sol viaja pelas linhas do campo magnético nos polos da Terra, elas alcançam a atmosfera do nosso planeta e interagem com os gases da atmosfera, formando as auroras.

Há dois tipos de aurora, que variam de acordo com o local em que ocorrem: se elas aparecem perto do polo norte da Terra, são chamadas de “auroras boreais”. Caso surjam no polo sul, recebem o nome “aurora austral”.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech: