Mercado abrirá em 7 h 3 min
  • BOVESPA

    122.964,01
    +1.054,98 (+0,87%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    49.655,29
    -211,86 (-0,42%)
     
  • PETROLEO CRU

    65,35
    +0,07 (+0,11%)
     
  • OURO

    1.829,00
    -7,10 (-0,39%)
     
  • BTC-USD

    57.233,50
    +2.250,88 (+4,09%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.552,32
    +1.309,64 (+539,66%)
     
  • S&P500

    4.152,10
    -36,33 (-0,87%)
     
  • DOW JONES

    34.269,16
    -473,66 (-1,36%)
     
  • FTSE

    6.947,99
    -175,69 (-2,47%)
     
  • HANG SENG

    28.053,07
    +39,26 (+0,14%)
     
  • NIKKEI

    28.213,05
    -395,54 (-1,38%)
     
  • NASDAQ

    13.256,50
    -89,50 (-0,67%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,3332
    -0,0122 (-0,19%)
     

Taxa de desemprego bate recorde a atinge 14,4 milhões de pessoas

Redação Finanças
·2 minuto de leitura
SAO PAULO, BRAZIL - MARCH 08: A homeless person walks by shuttered shops in downtown during the first business day after the state of Sao Paulo declared the most restrictive
Em um ano o número de desempregados no Brasil aumentou 16,9%, com acréscimo de 2,1 milhões de pessoas na busca por trabalho
  • Desemprego atinge 14,4 milhões de pessoas, recorde histórico

  • População desalentada chegou a 6 de milhões, outra marca inédita

  • Em um ano, número de desempregados cresceu quase 17%

O desemprego no Brasil atingiu 14,4% no trimestre encerrado em fevereiro, segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) divulgou nesta sexta-feira (30). Já o número de desempregados foi estimado em 14,4 milhões – recorde da série histórica iniciada em 2012.

"O resultado representa uma alta de 2,9%, ou de mais 400 mil pessoas desocupadas frente ao trimestre anterior (setembro a novembro de 2020)", informou o órgão.

Em um ano o número de desempregados no Brasil aumentou 16,9%, com acréscimo de 2,1 milhões de pessoas na busca por trabalho.

A população desalentada (aqueles que desistiram de procurar uma oportunidade no mercado) também atingiu bateu recorde, reunindo 6 milhões de pessoas.

Número anterior já era inédito

Os dados fazem parte da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Contínua (Pnad). No levantamento anterior, referente ao trimestre encerrado em janeiro, o desemprego estava em 14,2% atingindo 14,3 milhões de brasileiros.

A população ocupada (85,9 milhões) caiu 8,3% (menos 7,8 milhões) em relação ao mesmo trimestre de 2020. Já a população subutilizada (32,6 milhões) cresceu 21,9% (mais 5,9 milhões) na mesma base de comparação.

Perspectivas

Segundo as últimas pesquisas envolvendo empresários, o nível de confiança com a economia brasileira vem caindo. Os consumidores, por sua vez, retomaram um pouco do otimismo. Já a projeção para o crescimento do PIB deste ano vem sendo mantida pelo governo, mesmo que o mercado já não tenha tanta confiança assim. A perspectiva para a inflação, no entanto, é de crescimento ao longo do ano.