Mercado fechará em 5 h 50 min
  • BOVESPA

    108.941,68
    -160,32 (-0,15%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.599,38
    -909,02 (-1,73%)
     
  • PETROLEO CRU

    84,99
    -0,15 (-0,18%)
     
  • OURO

    1.838,90
    +7,10 (+0,39%)
     
  • BTC-USD

    33.240,66
    -2.511,20 (-7,02%)
     
  • CMC Crypto 200

    756,88
    +514,20 (+211,88%)
     
  • S&P500

    4.397,94
    -84,79 (-1,89%)
     
  • DOW JONES

    34.265,37
    -450,03 (-1,30%)
     
  • FTSE

    7.396,10
    -98,03 (-1,31%)
     
  • HANG SENG

    24.656,46
    -309,09 (-1,24%)
     
  • NIKKEI

    27.588,37
    +66,11 (+0,24%)
     
  • NASDAQ

    14.263,50
    -163,00 (-1,13%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,1906
    +0,0006 (+0,01%)
     

Depois de forte queda, mercados reagem.

·2 min de leitura

O Ibovespa subiu 0,46% enquanto o S&P 500 valorizou 1,78%. Além das bolsas, o dólar se manteve estável cotado a R$ 5,74.

Dólar se mantém forte em 2021

Por mais que a Covid-19, em números, esteja sendo bem controlada no Brasil, o dólar não recua. A cotação da moeda norte-americana chegou a ficar abaixo dos R$ 5,00 em um período curto de tempo e depois subiu até os patamares atuais.

Junto do dólar a bolsa se desvalorizou bastante. Havia boas expectativas com relação à bolsa e ao dólar, porém, essas expectativas não se cumpriram e hoje o mercado está mais difícil.

A inflação e o juro alto estão comprometendo o investimento e o crescimento. Observando isso, fica difícil enxergar bons resultados corporativos no curto prazo.

Sem bons resultados, as companhias vão cortar despesas e isso pode gerar mais desemprego no curto prazo.

Como os sinais no momento são de crescimento abaixo de 5%, mas sem aumento do desemprego, o período “nebuloso” pode ser menor, ou até não existir.

De qualquer forma, a bolsa não vem reagindo muito bem, fato que abre oportunidades de investimento.

No curto prazo, onde investir?

Como a bolsa de valores está volátil, investir em bolsa não é uma das alternativas mais interessantes para o curto prazo.

Por outro lado, a renda fixa vem entregando ótimos resultados. Tanto as letras do tesouro quanto o CDB, vem oferecendo rendimentos muito bons.

O Tesouro Selic possui rentabilidade indexada à Selic e, portanto, vem surfando na alta da taxa básica de juro. Vale lembrar que o BC já deixou claro que existe a possibilidade de mais um aumento de 1,5% em 2022.

Ou seja, ainda há possibilidade da Selic alcançar, ao menos, os 10,75%. Rendimento muito bom.

Outro produto que ficou muito atraente é o CDB. O CDB é um papel oferecido por bancos aos seus clientes. Praticamente todos os bancos oferecem CDB com liquidez diária e rentabilidade de 100% do CDI.

Assim, o investidor tem a comodidade de investir no banco onde tem conta, além de rentabilidade na média do mercado.

Outro ponto interessante do CDB é a proteção do FGC. O Fundo Garantidor de Crédito, garante até 250 mil reais por CPF e instituição financeira. Essa garantia funciona desde que a instituição emissária do CDB faça parte do FGC.

Como alguns ativos na bolsa ficam baratos, manter o foco restrito à renda fixa não é o ideal. Para aqueles que desejam alocar seus recursos em diferentes ativos, a renda variável é uma ótima opção, principalmente visando o longo prazo.

This article was originally posted on FX Empire

More From FXEMPIRE:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos