Mercado abrirá em 3 h 24 min
  • BOVESPA

    125.675,33
    -610,27 (-0,48%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.634,60
    +290,49 (+0,57%)
     
  • PETROLEO CRU

    73,33
    -0,29 (-0,39%)
     
  • OURO

    1.832,70
    -3,10 (-0,17%)
     
  • BTC-USD

    38.556,30
    -1.582,57 (-3,94%)
     
  • CMC Crypto 200

    916,56
    -13,80 (-1,48%)
     
  • S&P500

    4.419,15
    +18,51 (+0,42%)
     
  • DOW JONES

    35.084,53
    +153,60 (+0,44%)
     
  • FTSE

    7.022,50
    -55,92 (-0,79%)
     
  • HANG SENG

    25.961,03
    -354,29 (-1,35%)
     
  • NIKKEI

    27.283,59
    -498,83 (-1,80%)
     
  • NASDAQ

    14.868,00
    -169,75 (-1,13%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,0237
    -0,0168 (-0,28%)
     

Departamento de Estado dos EUA diz que eleições no Peru foram justas e "modelo de democracia"

·1 minuto de leitura
Pedro Castillo discursa para apoiadores em Lima

(Reuters) - O porta-voz do Departamento de Estado dos Estados Unidos Ned Price disse nesta terça-feira que as eleições presidenciais peruanas foram justas e um modelo de democracia na região, em uma demonstração de apoio ao trabalho das autoridades eleitorais do país sul-americano.

O Peru realizou suas eleições de segundo turno para a Presidência do país no dia 6 de junho, e o tribunal eleitoral do país ainda avalia algumas impugnações antes de declarar oficialmente o ganhador da disputa, que segundo a contagem de votos foi o socialista Pedro Castillo, com uma estreita vantagem sobre a candidata de direita Keiko Fujimori.

As impugnações e pedidos de anulação de votos foram apresentadas em grande maioria por Keiko, filha do ex-presidente preso Alberto Fujimori. A candidata apresentou poucas provas que sustentem suas acusações.

"Felicitamos as autoridades peruanas por administrar de maneira segura outra rodada de eleições livres, justas, acessíveis e pacíficas, inclusive em meio aos importantes desafios da pandemia de Covid-19", disse Price em nota.

"As eleições recentes são um modelo de democracia na região. Apoiamos que as autoridades eleitorais tenham tempo para processar e publicar os resultados de acordo com as leis peruanas", acrescentou o porta-voz.

Price manifestou que os Estados Unidos compartilham de uma profunda amizade, que tem sido traduzida na cooperação mútua nas áreas de saúde, segurança e proteção ambiental.

"Os Estados Unidos esperam continuar essa importante aliança com o candidato devidamente eleito pelo povo peruano, como será confirmado pelas autoridades eleitorais peruanas", afirmou.

(Reportagem de Marco Aquino)

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos