Mercado fechado
  • BOVESPA

    125.052,78
    -1.093,88 (-0,87%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    50.268,45
    +27,94 (+0,06%)
     
  • PETROLEO CRU

    72,17
    +0,26 (+0,36%)
     
  • OURO

    1.802,10
    -3,30 (-0,18%)
     
  • BTC-USD

    33.815,38
    +1.520,73 (+4,71%)
     
  • CMC Crypto 200

    786,33
    -7,40 (-0,93%)
     
  • S&P500

    4.411,79
    +44,31 (+1,01%)
     
  • DOW JONES

    35.061,55
    +238,20 (+0,68%)
     
  • FTSE

    7.027,58
    +59,28 (+0,85%)
     
  • HANG SENG

    27.321,98
    -401,86 (-1,45%)
     
  • NIKKEI

    27.548,00
    +159,80 (+0,58%)
     
  • NASDAQ

    15.091,25
    +162,75 (+1,09%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,1216
    +0,0014 (+0,02%)
     

Dell lança novos XPS 15 e 17 com Intel Core de 11ª geração e GPUs RTX 3000

·5 minuto de leitura

Quase um mês após atualizar a linha de laptops gamer Alienware, a Dell trouxe ao mercado nesta segunda (28) os novos XPS 15 e XPS 17. Sem grandes mudanças visuais, a versão 2021 dos populares ultrabooks da fabricante recebe upgrades substanciais de hardware, adotando a 11ª geração de processadores Intel Tiger Lake H45 de alto desempenho, além de alguns dos modelos da família GeForce RTX 3000 da Nvidia.

Dell XPS 15

O modelo mais compacto chega ao mercado equipado com processadores que variam do Intel Core i5 11400H até o Core i9 11900H, acompanhado de até 64 GB de RAM DDR4 a 3.200 MHz, até 1 TB de armazenamento SSD M.2 NVMe no padrão PCI-E 3.0, ou 4 TB no padrão PCI-E 4.0. O modelo base conta apenas com a GPU integrada da Intel, mas há configurações com as novas RTX 3050 e 3050 Ti de 4 GB.

Outra mudança de destaque está na tela, que segue com 15,6 polegadas, suporte a Dolby Vision e proporção 16:10, mas que conta agora com três opções, sendo duas delas com painel IPS LCD — Full HD+ (1920 x 1200 pixels) com brilho de 500 nits e 100% da cobertura de cores sRGB ou Ultra HD+ (3840 x 2400 pixels) com sensibilidade ao toque, certificação DisplayHDR 400, brilho de 500 nits e 100% de cobertura da gama AdobeRGB.

Além do conjunto poderoso de processamento, a tela é um dos destaques do novo XPS 15, que conta agora com uma opção de display OLED (Imagem: Reprodução/Dell)
Além do conjunto poderoso de processamento, a tela é um dos destaques do novo XPS 15, que conta agora com uma opção de display OLED (Imagem: Reprodução/Dell)

A terceira opção, e a mais interessante das três, traz display OLED sensível ao toque, com resolução de 3456 x 2160 pixels, certificação DisplayHDR 500, brilho de 400 nits e 100% de cobertura da gama de cores DCI-P3, utilizada por produções cinematográficas. Destacando as qualidades das versões mais potentes do laptop, a Dell implementou ainda o selo Creator Edition, dando ênfase aos modelos que mais agradarão a profissionais.

No mais, o aparelho mantém a maior parte das características do antecessor, incluindo áudio estéreo com dois woofers de 2,5 W e dois tweeters de 1,5 W, baterias de 56 Wh com carregador de 90 W ou 86 Wh com fonte de 130 W a depender da configuração, leitor de cartões SD, duas portas Thunderbolt 4, portas USB-C 3.2 Gen 2, Bluetooth 5.1, Wi-Fi 6, leitor de digitais, câmera infravermelho com biometria e conector P2 para fones de ouvido e microfone.

O Dell XPS 15 2021 também está disponível na cor Arctic White, uma exclusividade do XPS 13 até o momento (Imagem: Reprodução/Dell)
O Dell XPS 15 2021 também está disponível na cor Arctic White, uma exclusividade do XPS 13 até o momento (Imagem: Reprodução/Dell)

Fechando o pacote de novidades, o Dell XPS 15 está disponível agora na cor Arctic White (branco), uma exclusividade até o momento do modelo mais compacto da família, o XPS 13.

Dell XPS 17

Graças ao tamanho avantajado, o Dell XPS 17 conta com opções ainda mais poderosas de hardware, que incluem processadores que vão do Intel Core i5 11400H ao robusto Core i9 11980HK, de oito núcleos com overclocking habilitado. Juntam-se a eles GPUs Intel UHD Graphics, Nvidia GeForce RTX 3050 ou 3060, até 64 GB de RAM DDR4-3200 e até 1 TB de armazenamento SSD M.2 NVMe PCI-E 3.0, ou 4 TB de SSD PCI-E 4.0.

O selo Creator Edition retorna por aqui, destacando os modelos mais completos, munidos de recursos focados em profissionais. Diferente do irmão menor, a tela não conta com opção de painel OLED, mas ainda promete oferecer alta qualidade.

Com maior espaço e sistema de refrigeração muito mais robusto, o Dell XPS 17 traz opções de hardware que incluem CPU Intel Core i9 11980HK, com oito núcleos e overclocking, além de GPU Nvidia GeForce RTX 3060 (Imagem: Reprodução/Dell)
Com maior espaço e sistema de refrigeração muito mais robusto, o Dell XPS 17 traz opções de hardware que incluem CPU Intel Core i9 11980HK, com oito núcleos e overclocking, além de GPU Nvidia GeForce RTX 3060 (Imagem: Reprodução/Dell)

O aparelho traz 17 polegadas com Dolby Vision e proporção 16:10 em versões Full HD+ com brilho de 500 nits e 100% de cobertura da gama de cores sRGB, ou Ultra HD+ com sensibilidade ao toque, certificação DisplayHDR 400, 500 nits de brilho e 99% de cobertura da gama DCI-P3.

O destaque aqui vai para o sistema robusto de resfriamento, similar ao da geração anterior, que chega equipado com uma enorme câmara de vapor para facilitar o trânsito de calor entre os chips e os heat sinks, bem como grandes ventoinhas para gerar fluxo intenso de ar.

Assim como o XPS 15, o XPS 17 mantém o restante das configurações vistas no antecessor — há quatro portas Thunderbolt 4, áudio estéreo com dois woofers de 2,5 W e dois tweeters de 1,5 W, conector P2, leitor de digitais, câmera infravermelho com biometria, Wi-Fi 6, Bluetooth 5.1, leitor de cartões SD e bateria de 97 Wh com fontes de 90 W ou 130 W, a depender da configuração.

Preço e disponibilidade

Os novos Dell XPS 15 e XPS 17 já estão disponíveis para compra através do site oficial da Dell no exterior. O modelo menor tem preços que partem dos US$1.249 (cerca de R$ 6.160, em conversão direta), e atingem os US$ 2.149 (R$ 10.600), enquanto a variante maior começa em US$ 1.549 (R$ 7.640), e pode atingir os US$ 2.599 (R$ 12.815) em sua versão mais poderosa. Até o momento, ainda não há informações sobre a chegada dos aparelhos ao mercado brasileiro.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos