Mercado fechado
  • BOVESPA

    117.669,90
    -643,33 (-0,54%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    47.627,67
    -560,48 (-1,16%)
     
  • PETROLEO CRU

    59,34
    -0,26 (-0,44%)
     
  • OURO

    1.744,10
    -14,10 (-0,80%)
     
  • BTC-USD

    59.696,51
    +1.218,61 (+2,08%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.235,89
    +8,34 (+0,68%)
     
  • S&P500

    4.128,80
    +31,63 (+0,77%)
     
  • DOW JONES

    33.800,60
    +297,03 (+0,89%)
     
  • FTSE

    6.915,75
    -26,47 (-0,38%)
     
  • HANG SENG

    28.698,80
    -309,27 (-1,07%)
     
  • NIKKEI

    29.768,06
    +59,08 (+0,20%)
     
  • NASDAQ

    13.811,00
    +63,25 (+0,46%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,7625
    +0,1276 (+1,92%)
     

Deliveroo pode atingir valor de mercado de US$12 bi após IPO, na maior estreia em Londres em 10 anos

Rachel Armstrong e Abhinav Ramnarayan
·2 minuto de leitura
Logo do Facebook

Por Rachel Armstrong e Abhinav Ramnarayan

LONDRES (Reuters) - A empresa de entrega de alimentos Deliveroo pode fazer a maior estreia no mercado de ações do Reino Unido desde que a gigante de commodities Glencore abriu o capital há quase uma década, após definir faixa de preço nesta segunda-feira que a avalia em até 12 bilhões.

Apoiada pela Amazon, a Deliveroo é vista pelo governo britânico como um sinal de que a cidade de Londres ainda pode atrair grandes ofertas públicas iniciais de ações (IPO) após a saída do Reino Unido da União Europeia.

A Deliveroo estabeleceu uma faixa de preço para sua listagem entre 3,90 e 4,60 libras por ação, o que lhe dará um valor de mercado entre 7,6 bilhões de libras e 8,8 bilhões de libras (10,5 bilhões e 12 bilhões de dólares), excluindo quaisquer ações oferecidas para atender eventual excesso de demanda.

Um anúncio aos investidores visto pela Reuters disse que o tamanho do IPO seria de 1,5 bilhão a 1,6 bilhões de libras, subindo para 1,7 bilhão de libras após um lote adicional.

Desse total, novas ações levantarão 1 bilhão de libras para a empresa e o restante será composto pelos acionistas existentes que vendem parte de sua participação.

Deve ser o maior IPO de Londres desde a Glencore em maio de 2011, de acordo com dados fornecidos pela Bolsa de Valores de Londres (LSE, na sigla em inglês).

A Deliveroo também será o maior IPO de tecnologia na LSE, superando o The Hut Group do ano passado - que tinha uma capitalização de mercado de 5,4 bilhões de libras no momento da listagem.

A empresa se beneficiou do aumento de serviços de entrega durante a pandemia de Covid-19, que fez as receitas crescerem, com o chamado GMV - que mede o valor total dos pedidos recebidos - subindo 64,3% em 2020, para 4,1 bilhões de libras.

A companhia, porém, enfrenta dúvidas sobre se esse ímpeto continuará depois que as restrições relacionadas ao coronavírus forem afrouxadas e se será o suficiente para deixar o negócios lucrativo, depois de ter registrado um prejuízo de 223,7 milhões de libras (308,93 milhões de dólares) no ano passado.

((Tradução Redação São Paulo; +55 11 56447764))

REUTERS PAL MPP