Mercado fechado

Deh Bastos: "mães brancas têm privilégios que nem imaginam"

Fernando Rocha
·1 minuto de leitura

A comunicadora e publicitária Deh Bastos é a convidada da semana no ‘É Normal?’. Ela tomou como missão usar a internet como ferramenta para educar diariamente crianças pretas e antirracistas. E, como uma mãe preta, os desafios são grandes.

Baixe o app do Yahoo Mail em menos de 1 min e receba todos os seus emails em 1 só lugar

Siga o Yahoo Vida e Estilo no Google News

Deh, inclusive, lista algumas preocupações que as mulheres pretas têm com seus filhos que s brancas nem imaginam. “O menino preto não pode correr na rua porque, pelo estereótipo, ele é sempre o alvo. Não andar de capuz, não entrar de mochila nas lojas porque sempre será tido como o suspeito. Andar sempre com a nota fiscal da bicicleta, skate ou celular, porque sim, ele pode ser parada pela polícia que vai duvidar que aquilo é realmente dele”.

Veja também

Mas a comunicadora opina que isso já é algo que está às claras, e o que precisa se conversar sobre também são os privilégios que as mães brancas têm, mas não fazem ideia. “Um privilégio é não ter que pensar em todas essas coisas, não ter que lidar com isso”.

Por isso, Deh acredita que parte fundamental na luta antirracista é dialogar com as mães e pais brancos para que eles possam criar os filhos de uma maneira antirracista.

Assista o vídeo acima e confira.

Assine agora a newsletter Yahoo em 3 Minutos

Siga o Yahoo Vida e Estilo no Instagram, Facebook, Twitter e YouTube