Mercado fechado
  • BOVESPA

    120.348,80
    -3.131,73 (-2,54%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    45.892,28
    -178,63 (-0,39%)
     
  • PETROLEO CRU

    52,04
    -1,53 (-2,86%)
     
  • OURO

    1.827,70
    -23,70 (-1,28%)
     
  • BTC-USD

    37.670,38
    +1.564,53 (+4,33%)
     
  • CMC Crypto 200

    701,93
    -33,21 (-4,52%)
     
  • S&P500

    3.768,25
    -27,29 (-0,72%)
     
  • DOW JONES

    30.814,26
    -177,26 (-0,57%)
     
  • FTSE

    6.735,71
    -66,25 (-0,97%)
     
  • HANG SENG

    28.573,86
    +77,00 (+0,27%)
     
  • NIKKEI

    28.519,18
    -179,08 (-0,62%)
     
  • NASDAQ

    12.759,00
    -142,00 (-1,10%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,3926
    +0,0791 (+1,25%)
     

Decola primeiro voo comercial direto dos Emirados para Israel

·1 minuto de leitura
Boeing 737 da companhia FlyDubai, nas pistas do aeroporto internacional de Suleimaniya, na região do Curdistão iraquiano, em 2 de agosto de 2020, ao noreste do Iraque

A companhia aérea de baixo custo Flydubai lançou, nesta quinta-feira (26), os primeiros voos diretos para Tel Aviv, dois meses após a normalização das relações entre os Emirados Árabes Unidos e Israel com o impulso dos Estados Unidos.

O avião decolou nesta quinta-feira pela manhã, confirmou à AFP um porta-voz do Aeroporto Internacional de Dubai, um dos maiores do mundo.

O primeiro-ministro israelense, Benjamin Netanyahu, estará presente na chegada do voo ao Aeroporto Internacional Ben Gurion, disse no Twitter Ofir Gendelman, seu porta-voz para a mídia árabe.

Em setembro, os Emirados Árabes Unidos assinaram um acordo, negociado pelos Estados Unidos, para normalizar suas relações com Israel. Foi o primeiro pacto deste tipo gênero entre um país árabe do Golfo e o Estado hebreu.

Os Emirados Árabes Unidos foram o terceiro país árabe a normalizar suas relações com Israel, depois do Egito, em 1979, e da Jordânia, em 1994. Foi rapidamente seguido pelo Bahrein.

No início do mês, a Flydubai anunciou que fará "14 voos por semana e um serviço duplo diário entre o Aeroporto Internacional de Dubai e o Aeroporto Ben Gurion de Tel Aviv".

"O princípio dos voos regulares contribuirá para o desenvolvimento econômico e criará novas oportunidades de investimento", declarou o CEO da Flydubai, Ghaith al-Ghaith, ao anunciar esses voos no começo deste mês.

As companhias aéreas israelenses El Al e Israir iniciarão voos comerciais entre as duas cidades no próximo mês.

Com sede em Abu Dhabi, capital dos Emirados, a Etihad Airways anunciou o início de seus voos para Tel Aviv para março de 2021.

sls/aem/vl/mar-me/mar/tt