Mercado abrirá em 2 h 46 min

Deadpool pode entrar no MCU destruindo os X-Men da Fox; entenda

Claudio Yuge

Uma coisa que é certa, desde o retorno dos direitos autorais dos X-Men e do Quarteto Fantástico para a Disney, é que Deadpool terá um filme na cronologia do Universo Cinematográfico Marvel (MCU, na sigla em inglês). Além de ser uma das franquias mais rentáveis da Fox Films em seus últimos anos com essas propriedades, o próprio ator Ryan Reynolds já se reuniu com os executivos da Disney, incluindo Kevin Feige, para discutir o próximo longa do mercenário falastrão.

Agora, o insider Roger Wardell, que ultimamente vem acertando em algumas previsões e dicas de bastidores, disse que ficou a par do que foi discutido entre Reynolds e a cúpula do Marvel Studios. Segundo o informante, Reynolds quer basear Deadpool 3 na famosa edição especial Deadpool Mata o Universo Marvel.

Reprodução/Marvel Comics

A minissérie em quatro edições foi lançada em 2012 e não faz parte da cronologia original. A história faz exatamente o que o título diz. A ambientação tem mais a ver com um filme de terror do que exatamente uma trama de comédia. Contudo, de acordo com Wardell, a ideia de Reynolds seria adaptar essa história com os X-Men e o Quarteto Fantástico da Fox. Ou seja, em uma aventura mais bem-humorada, Deadpool destruiria as versões antigas, antes das novas estrearem no MCU.

A ideia não é ruim e realmente cairia como uma luva no tom adotado pelo personagem até agora no cinema, incluindo sua capacidade de conversar com o público, quebrando a “quarta parede”.

Filme teria a direção de Michael Bay

E não pára por aí. De acordo com Wardell, o diretor de Deadpool 3 seria Michael Bay, conhecido por suas espalhafatosas e barulhentas cenas de ação em Transformers. Isso faz sentido, porque Reynolds trabalhou recentemente ao lado de Bay em Six Underground, lançado pela Netflix e que tem os mesmos roteiristas do mutante falastrão, Rhett Reese e Paul Wernick.

Reprodução/Marvel Comics

Ou seja, Reynolds já teria a ideia e a equipe completa para produzir seu filme no Marvel Studios. Contudo, talvez aí é que esteja o conflito para confirmar o longa e sua agenda no cronograma do MCU. Como sabemos, Feige gosta de ter bastante controle sobre os títulos em desenvolvimento e normalmente procura por diretores mais autorais e menos “expansivos”.

Ainda não dá para saber até que ponto isso tudo seja verdade, mas a movimentação do mercado nos últimos meses são bastante favoráveis a confirmar esses boatos.

Fonte: Canaltech