Mercado abrirá em 8 h 29 min
  • BOVESPA

    108.651,05
    +248,77 (+0,23%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    47.241,81
    -113,05 (-0,24%)
     
  • PETROLEO CRU

    90,15
    -0,35 (-0,39%)
     
  • OURO

    1.807,10
    -5,20 (-0,29%)
     
  • BTC-USD

    22.920,83
    -897,44 (-3,77%)
     
  • CMC Crypto 200

    531,82
    -25,53 (-4,58%)
     
  • S&P500

    4.122,47
    -17,59 (-0,42%)
     
  • DOW JONES

    32.774,41
    -58,13 (-0,18%)
     
  • FTSE

    7.488,15
    +5,78 (+0,08%)
     
  • HANG SENG

    19.588,83
    -414,61 (-2,07%)
     
  • NIKKEI

    27.799,48
    -200,48 (-0,72%)
     
  • NASDAQ

    13.022,00
    -9,50 (-0,07%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,2347
    +0,0020 (+0,04%)
     

Day off! Ventos atrapalham, mar piora, e Mundial de Surfe deve retornar só no domingo


O mar não está para peixes. Ou melhor, não está para surfistas. A etapa brasileira do Mundial de Surfe, realizada na Praia de Itaúna, em Saquarema, sofreu um "lay day", que é quando os organizadores decidem adiar as baterias por conta de condições climáticas ruins.

Por conta da entrada de ventos vindos do sudoeste, o mar teve uma piora, o que forçou a Liga Mundial de Surfe (WSL) a adiar as provas deste sábado. A expectativa é que o torneio volte a ser realizado neste domingo, a partir das 7h15 (de Brasília).

- Nós vamos ficar off hoje. As ondas estão mais baixas, mas o principal motivo é o vento maral (do mar para a terra) que vai entrar e ficar o dia todo. As previsões mostram que amanhã (domingo) estará melhor, com ondas maiores, mas ainda com esse vento, que precisamos considerar - disse Jessi Miley-Dyer, vice-presidente de circuitos e competições da WSL.


As primeiras provas devem ser do masculino, que está nas oitavas de final. Oito brasileiros estão na disputa, incluindo o líder do ranking mundial Filipe Toledo, o atual campeão olímpico Ítalo Ferreira e o dono de uma nota 10.00 na última sexta-feira, Caio Ibelli.

+ Filipe Toledo segue líder da WSL: Confira o ranking mundial

No feminino, as baterias já estão nas semifinais e a brasileira Tatiana Weston-Webb briga pelo título. Ela enfrentará Carissa Moore, do Havaí, na busca por uma vaga na decisão. A janela do Rio Pro vai até a próxima quinta-feira.

Tatiana Weston-Webb - Liga Mundial de Surfe - WSL - Etapa brasileira - Saquarema - Rio Pro
Tatiana Weston-Webb - Liga Mundial de Surfe - WSL - Etapa brasileira - Saquarema - Rio Pro

Tatiana Weston-Webb está no top-10 do ranking mundial (Foto: Thiago Diz / World Surf League)

MASCULINO - OITAVAS DE FINAL

1: Jack Robinson (AUS) x Mateus Herdy (BRA)
2: Caio Ibelli (BRA) x Samuel Pupo (BRA)
3: Ítalo Ferreira (BRA) x Michael Rodrigues (BRA)
4: Miguel Pupo (BRA) x Nat Young (EUA)
5: Filipe Toledo (BRA) x Miguel Tudela (PER)
6: Connor O'Leary (AUS) x Matthew McGillivray (AFR)
7: Ethan Ewing (AUS) x Yago Dora (BRA)
8: Callum Robson (AUS) x Jackson Baker (AUS)

FEMININO - SEMIFINAIS

1: Johanne Defay (FRA) x Gabriela Bryan (HAV)
2: Carissa Moore (HAV) x Tatiana Weston-Webb (BRA)

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos