Mercado fechado
  • BOVESPA

    108.893,32
    -1.682,15 (-1,52%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    41.778,87
    +104,57 (+0,25%)
     
  • PETROLEO CRU

    45,22
    -0,12 (-0,26%)
     
  • OURO

    1.780,10
    -0,80 (-0,04%)
     
  • BTC-USD

    19.632,68
    +115,41 (+0,59%)
     
  • CMC Crypto 200

    385,49
    +20,89 (+5,73%)
     
  • S&P500

    3.621,63
    -16,72 (-0,46%)
     
  • DOW JONES

    29.638,64
    -271,73 (-0,91%)
     
  • FTSE

    6.266,19
    -101,39 (-1,59%)
     
  • HANG SENG

    26.341,49
    -553,19 (-2,06%)
     
  • NIKKEI

    26.687,36
    +253,74 (+0,96%)
     
  • NASDAQ

    12.351,00
    +74,00 (+0,60%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,3937
    +0,0325 (+0,51%)
     

Dólar vai cair assim que voltarem investimentos externos em massa, diz Guedes

·1 minuto de leitura
.
.

BRASÍLIA (Reuters) - O ministro da Economia, Paulo Guedes, afirmou nesta sexta-feira que o câmbio vai descer assim que voltarem em massa os investimentos externos para o país.

"Aí é garantia que Brasil finalmente retomou crescimento", disse ele ao participar virtualmente do Encontro Nacional de Comércio Exterior (ENAEX).

Ele avaliou que a combinação atual de juros baixos e um dólar no patamar de "5, 5 e pouco" reais está impulsionando as exportações, apesar da crise.

Guedes também voltou a dizer que o plano A do governo é chegar ao fim do ano e encerrar o auxílio emergencial, aterrissando em seguida no Bolsa Família, já que não há no momento consenso político para formatação de um novo programa de transferência de renda que consolide iniciativas já existentes num só benefício.

"Enquanto essa discussão não estiver estabelecida, e ela não está, o que vai acontecer é voltar para o Bolsa Família e acabou", disse ele. "Não vamos fazer aventura, não vamos gastar o que não pudermos."

(Por Marcela Ayres)