Mercado fechará em 6 h 31 min
  • BOVESPA

    119.716,53
    +152,09 (+0,13%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    48.399,80
    +71,60 (+0,15%)
     
  • PETROLEO CRU

    65,49
    -0,14 (-0,21%)
     
  • OURO

    1.792,30
    +8,00 (+0,45%)
     
  • BTC-USD

    57.459,86
    +1.645,60 (+2,95%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.476,77
    +71,46 (+5,09%)
     
  • S&P500

    4.167,59
    +2,93 (+0,07%)
     
  • DOW JONES

    34.230,34
    +97,34 (+0,29%)
     
  • FTSE

    7.050,18
    +10,88 (+0,15%)
     
  • HANG SENG

    28.637,46
    +219,46 (+0,77%)
     
  • NIKKEI

    29.331,37
    +518,77 (+1,80%)
     
  • NASDAQ

    13.482,25
    -8,75 (-0,06%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,4156
    -0,0113 (-0,18%)
     

Dólar tem maior sequência de baixas desde 2016

·1 minuto de leitura

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - O dólar caiu 1,67% nesta quinta-feira (22), a maior desvalorização desde o fim de março, e fechou no menor patamar em dois meses, a R$ 5,455, com fortes vendas de moeda decorrentes de uma combinação entre ajuste pós-feriado, fluxo positivo e desmonte de posições em meio à percepção de algum alívio do lado fiscal. Foram sete dias seguidos de queda, período no qual a moeda perdeu 4,72%. A série negativa é a mais longa desde as mesmas sete quedas consecutivas registradas entre 5 e 13 de dezembro de 2016.