Mercado fechado
  • BOVESPA

    129.264,96
    +859,61 (+0,67%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    50.315,69
    -3,88 (-0,01%)
     
  • PETROLEO CRU

    73,44
    -0,22 (-0,30%)
     
  • OURO

    1.785,10
    +2,20 (+0,12%)
     
  • BTC-USD

    31.780,02
    -3.900,01 (-10,93%)
     
  • CMC Crypto 200

    762,93
    -87,41 (-10,28%)
     
  • S&P500

    4.224,79
    +58,34 (+1,40%)
     
  • DOW JONES

    33.876,97
    +586,89 (+1,76%)
     
  • FTSE

    7.062,29
    +44,82 (+0,64%)
     
  • HANG SENG

    28.489,00
    -312,27 (-1,08%)
     
  • NIKKEI

    28.010,93
    -953,15 (-3,29%)
     
  • NASDAQ

    14.140,00
    +10,00 (+0,07%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,9723
    -0,0030 (-0,05%)
     

Dólar fecha a R$ 5,31, com entrada de recursos de exportações

·1 minuto de leitura

Beneficiado pela entrada de recursos de exportações, o dólar caiu nesta quarta-feira (26), mas manteve-se acima de R$ 5,30. Impulsionada pelo setor aéreo, a bolsa de valores recuperou-se da queda de ontem (25) e aproximou-se dos 124 mil pontos.

O dólar comercial encerrou o dia vendido a R$ 5,313, com queda de R$ 0,024 (-0,45%). A cotação chegou a subir para R$ 5,34 na máxima do dia, por volta das 10h30, mas recuou no início da tarde, chegando a R$ 5,28 por volta das 12h30. Durante a tarde, a divisa diminuiu o ritmo de queda, mas manteve a baixa.

No mercado de ações, o índice Ibovespa, da B3, fechou aos 123.989 pontos, com alta de 0,81%. O indicador operou em alta durante toda a sessão, mas ampliou a alta durante a tarde com o desempenho de empresas aéreas.

O real teve um dos melhores desempenhos do dia, entre as principais moedas de países emergentes. Após um dia de pessimismo no mercado internacional, as bolsas norte-americanas fecharam em pequena alta. Os investidores aguardam os dados de inflação dos Estados Unidos para avaliarem as chances de o Federal Reserve (Fed, Banco Central norte-americano) começar a retirar os estímulos concedidos por causa da pandemia de covid-19, antes do inicialmente previsto.

*Com informações da Reuters

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos