Mercado fechará em 3 h 52 min
  • BOVESPA

    100.856,77
    +93,17 (+0,09%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    48.202,71
    -92,12 (-0,19%)
     
  • PETROLEO CRU

    110,92
    +1,35 (+1,23%)
     
  • OURO

    1.822,00
    -2,80 (-0,15%)
     
  • BTC-USD

    20.589,70
    -140,09 (-0,68%)
     
  • CMC Crypto 200

    448,37
    -1,69 (-0,38%)
     
  • S&P500

    3.853,72
    -46,39 (-1,19%)
     
  • DOW JONES

    31.225,64
    -212,62 (-0,68%)
     
  • FTSE

    7.323,41
    +65,09 (+0,90%)
     
  • HANG SENG

    22.418,97
    +189,45 (+0,85%)
     
  • NIKKEI

    27.049,47
    +178,20 (+0,66%)
     
  • NASDAQ

    11.800,00
    -240,50 (-2,00%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,5317
    -0,0124 (-0,22%)
     

Dólar começa a terça em alta; acompanhe o mercado

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
*Arquivo* São Paulo, SP, 24.01.2019 - Notas de dólar dos Estados Unidos. (Foto: Gabriel Cabral/Folhapress)
*Arquivo* São Paulo, SP, 24.01.2019 - Notas de dólar dos Estados Unidos. (Foto: Gabriel Cabral/Folhapress)

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - O dólar avançava contra o real logo após a abertura desta terça-feira (7), refletindo temores internacionais sobre o aperto da política monetária nas principais economias, enquanto, no Brasil, investidores avaliavam a proposta do governo de zerar o ICMS e ressarcir Estados.

Às 9h06 (de Brasília), o dólar à vista avançava 0,40%, a R$ 4,8149 na venda.

Na B3, às 9h06 (de Brasília), o contrato de dólar futuro de primeiro vencimento subia 0,33%, a R$ 4,8475.

Na véspera, a moeda norte-americana à vista fechou em alta de 0,38%, a R$ 4,7959 na venda

Na véspera, o dólar comercial subiu 0,37%, cotado a R$ 4,7960 na venda. Na Bolsa de Valores brasileira, o índice de referência Ibovespa caiu 0,82%, a 110.185 pontos.

Entre os papéis mais negociados na Bolsa, Vale e Petrobras ganharam 0,10% e 0,07%, nessa ordem. A Eletrobras cedeu 0,14%. A Magazine Luiza perdeu 5,29%.

Dados pouco empolgantes sobre a economia doméstica divulgados nesta segunda ajudaram a manter o desânimo de investidores com mercados emergentes, como é o caso do Brasil, em um contexto global de temor com a alta de preços e de elevação dos juros nos Estados Unidos e na Europa.

Após mais de um mês sem divulgação da pesquisa Focus pelo Banco Central, a projeção mediana dos economistas mostrou que a expectativa para o crescimento do PIB (Produto Interno Bruto) de 2022 saltou de 0,70% para 1,20%. Já o prognóstico de expansão de 2023 recuou de 1% para 0,76%.

O boletim também apontou que as estimativas dos economistas para o IPCA (Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo), em um cenário inflacionário desafiador, passaram de 7,89% para 8,89% em 2022 e subiram de 4,10% para 4,39% em 2023.

No mercado de trabalho brasileiro foram criadas 196.966 vagas formais em abril, segundo o Caged (Cadastro Geral de Empregados e Desempregados) divulgado, também nesta segunda, pelo Ministério do Trabalho e Previdência.

O resultado veio acima da criação líquida de 170.655 postos projetada por analistas, mas o mercado não recebeu bem a revisão dos dados de março sobre a criação de postos de trabalho, que caíram de 136 mil para 88,1 mil, segundo Étore Sanchez, da Ativa Investimentos.

"Em outras palavras, apesar de mostrar força na margem, a média móvel segue em desaceleração, e os dados, excluindo a sazonalidade, apontam para uma perda de ímpeto na margem", disse Sanchez.

Nos principais mercados do exterior, porém, o humor dos investidores foi predominantemente positivo nesta sessão.

A suspensão de lockdowns em cidades da China, como Xangai, aliviou temores sobre o desempenho da segunda maior economia do mundo. O indicador que acompanha ações de empresas de Xangai e de Shenzhen avançou 1,87%.

Os índices Dow Jones, S&P 500 e Nasdaq subiram 0,05%, 0,31% e 0,40%, respectivamente.

Na Europa, houve alta de 1,45% no índice que acompanha as 50 principais empresas de países que têm o euro como moeda.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos