Mercado fechado
  • BOVESPA

    107.999,02
    -942,66 (-0,87%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    50.839,83
    -759,55 (-1,47%)
     
  • PETROLEO CRU

    83,78
    -1,36 (-1,60%)
     
  • OURO

    1.842,10
    +10,30 (+0,56%)
     
  • BTC-USD

    36.891,36
    +1.648,30 (+4,68%)
     
  • CMC Crypto 200

    840,17
    +29,57 (+3,65%)
     
  • S&P500

    4.410,13
    +12,19 (+0,28%)
     
  • DOW JONES

    34.364,50
    +99,13 (+0,29%)
     
  • FTSE

    7.297,15
    -196,98 (-2,63%)
     
  • HANG SENG

    24.656,46
    -309,09 (-1,24%)
     
  • NIKKEI

    27.588,37
    +66,11 (+0,24%)
     
  • NASDAQ

    14.505,25
    +78,75 (+0,55%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,2138
    +0,0238 (+0,38%)
     

Dólar cai para menos de R$ 5,60 e fecha no menor nível do ano

·2 min de leitura

O tom mais ameno do presidente do Federal Reserve (Fed, o Banco Central dos Estados Unidos), fez o mercado financeiro ter um dia de trégua. O dólar fechou abaixo de R$ 5,60 e caiu para a menor cotação do ano. A bolsa de valores subiu quase 2% e atingiu o segundo melhor nível de 2022.

O dólar comercial encerrou esta terça-feira (11) vendido a R$ 5,58, com queda de R$ 0,095 (-1,67%). A cotação abriu próxima da estabilidade, mas passou a despencar no decorrer das negociações, até fechar perto da mínima do dia. No mercado de ações, o dia foi marcado pela recuperação. O índice Ibovespa, da B3, fechou o dia aos 103.779 pontos, com alta de 1,8%. O indicador está no patamar mais alto desde 3 de janeiro, quando tinha fechado próximo dos 104 mil pontos.

A bolsa seguiu o mercado norte-americano, que subiu após as declarações do presidente do Fed, Jerome Powell. Em audiência no Senado norte-americano, Powell afirmou que o Fed está mais preocupado em conter a inflação do que em comprometer o crescimento do emprego nos Estados Unidos. Ele também declarou que a decisão de como o Fed pretende vender os títulos e os recursos que comprou desde o início da pandemia de covid-19, levará tempo para ser debatida, sendo discutida em até quatro reuniões.

A declaração foi interpretada como suavização do tom do presidente do Fed e fez os investidores descartarem novas medidas. Segundo os analistas de mercado, a expectativa de que os juros básicos nos Estados Unidos subirão a partir de março já está incorporada aos preços, o que levou à realização de lucros (venda de ativos para embolsar ganhos recentes) de quem comprou dólares nos últimos dias.

*Com informações da Reuters

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos