Dólar cai ante euro com expectativa de maior liquidez

O dólar recuou ante o euro nesta terça-feira por causa das expectativas de que o Federal Reserve (Fed, banco central dos Estados Unidos) tomará novas medidas de estímulo à economia. O Comitê de Mercado Aberto (Fomc, na sigla em inglês) do banco central norte-americano concluirá sua reunião na quarta-feira, mas os mercados têm ampla expectativa de que a instituição continuará a comprar US$ 40 bilhões por mês em hipotecas apoiadas por ações, bem como substituirá a chamada "operação Twist" com cerca de US$ 45 bilhões em compras mensais de Treasuries.

"Os investidores estão olhando para o Fed e vendo que mais liquidez tende a chegar e pesar sobre o dólar" disse Brad Bechtel, diretor gestor na Faros Trading, em Stamford, Connecticut. Na "operação Twist" que começou em setembro de 2011, o Federal Reserve substitui com compras seus bônus de curto prazo por títulos de longo prazo e taxas mais baixas, para estimular a economia americana.

No final desta tarde, o euro era negociado a US$ 1,3006, de US$ 1,2942 na segunda-feira. O dólar, contudo, subiu frente ao iene, para 82,51 ienes, de 82,35 ienes na segunda-feira. O euro também subiu frente ao franco suíço, para 1,2126, de 1,2081 franco suíço na véspera.

A moeda europeia foi ajudada pela venda de francos suíços, após o banco UBS ter anunciado mais cedo que imporá uma taxa sobre os depósitos em francos suíços, seguindo medida semelhante tomada na semana passada pelo Crédit Suisse. A taxa tende a desencorajar os investidores a manter francos suíços, como parte da luta do Banco Nacional da Suíça contra um franco forte, que prejudica as exportações do país. As informações são da Dow Jones.

Carregando...