Mercado abrirá em 57 mins
  • BOVESPA

    113.812,87
    +105,11 (+0,09%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    48.729,80
    -4,24 (-0,01%)
     
  • PETROLEO CRU

    88,64
    -1,86 (-2,06%)
     
  • OURO

    1.766,60
    -4,60 (-0,26%)
     
  • BTC-USD

    21.480,58
    -2.049,59 (-8,71%)
     
  • CMC Crypto 200

    510,20
    -47,53 (-8,52%)
     
  • S&P500

    4.283,74
    +9,70 (+0,23%)
     
  • DOW JONES

    33.999,04
    +18,72 (+0,06%)
     
  • FTSE

    7.560,87
    +19,02 (+0,25%)
     
  • HANG SENG

    19.773,03
    +9,12 (+0,05%)
     
  • NIKKEI

    28.930,33
    -11,81 (-0,04%)
     
  • NASDAQ

    13.384,50
    -138,75 (-1,03%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,1923
    -0,0215 (-0,41%)
     

Dólar acompanha exterior e avança ante real com alta dos rendimentos dos Treasuries

·3 min de leitura
Cédulas de 50 reais e de 10, 20 e 50 dólares

Por Luana Maria Benedito

SÃO PAULO (Reuters) - O dólar era negociado em alta frente ao real nesta terça-feira, em mais um dia de valorização internacional da divisa, com os rendimentos dos títulos norte-americanos avançando devido às expectativas de juros mais altos nos Estados Unidos.

Às 10:09 (de Brasília), o dólar à vista avançava 0,53%, a 5,6945 reais na venda.

Na B3, às 10:09 (de Brasília), o contrato de dólar futuro de primeiro vencimento subia 0,11%, a 5,7300 reais.

No exterior, o índice do dólar --que mede o desempenho da moeda norte-americana frente a uma cesta de seis divisas fortes-- subia 0,23%, a 96,420, depois de já ter registrado fortes ganhos na segunda-feira.

A divisa norte-americana também avançava contra outras moedas de países emergentes, como rand sul-africano, peso mexicano e peso chileno.

Segundo agentes do mercado, a ampla força do dólar refletia salto nos rendimentos dos títulos norte-americanos em meio a apostas de que o banco central dos EUA, o Federal Reserve, elevará os juros algumas vezes este ano.

Alexandre Almeida, economista da CM Capital, disse à Reuters que dois relatórios de emprego da maior economia do mundo a serem divulgados nesta semana --um da APD e outro do Departamento do Trabalho do país--, caso apresentem leitura positiva, podem "reforçar a mensagem do Fed de importância de elevação da taxa de juros em 2022".

Em sua última reunião de política monetária do ano passado, o Fed disse que encerrará em março suas compras emergenciais de títulos, pavimentando o caminho para três aumentos de 0,25 ponto percentual cada nos custos dos empréstimos até o fim de 2022, citando persistência da inflação e melhora no mercado de trabalho.

Nesse contexto, a taxa do Treasury de dez anos, referência global para decisões de investimento, foi a uma máxima em seis semanas neste pregão.

Retornos mais altos nos títulos soberanos dos EUA --considerados o ativo mais seguro do mundo-- tendem a beneficiar o dólar globalmente.

Enquanto isso, no Brasil, investidores continuavam monitorando a saúde do presidente Jair Bolsonaro, que segue internado no Hospital Vila Nova Star, em São Paulo, sem previsão de alta. Nesta terça-feira, foi divulgado boletim médico com a informação de que sua obstrução no intestino se desfez e ele não precisará passar por cirurgia.

Entre as preocupações domésticas que devem ficar no radar de investidores neste início de 2022, Almeida, da CM Capital, chamou a atenção para a saúde fiscal do país.

Depois de o governo ter aberto, por meio da PEC dos Precatórios, espaço para mais gastos com auxílio à população, os mercados monitoravam a pressão de funcionários públicos por reajustes salariais neste ano, com servidores de várias categorias anunciando planos de paralisação e entrega de cargos.

O dólar spot fechou a última sessão em alta de 1,63%, a 5,6646 reais na venda, maior valorização percentual diária desde 21 de outubro do ano passado (+1,90%).

Neste pregão, o Banco Central fará leilão de até 17 mil contratos de swap cambial tradicional para fins de rolagem do vencimento de 2 de março de 2022.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos