Mercado abrirá em 6 h 32 min

Dá pra substituir sua TV por um projetor inteligente?

Os projetores inteligentes caíram no gosto do público, e já tem muita gente pensando em substituir a TV por um destes dispositivos. Mas será que eles já são bons o suficiente para isso? Talvez!

Dotados de sistemas operacionais complexos e alto-falantes com qualidade boa o suficiente para que o usuário não precise utilizar caixas de som externas, os projetores inteligentes são ideais para quem busca diversão aliada à flexibilidade que um TV nem sempre oferece.

Recentemente, eu testei o The Freestyle, que é o representante da Samsung neste segmento. Pesquisando concorrentes dele, percebi que há uma imensa variedade de modelos, com design e recursos interessantes.

Mas, apesar de serem muito versáteis, será que os projetores inteligentes já conseguem substituir uma smart TV de forma definitiva? Eu reuni algumas informações úteis para que nossos leitores possam responder a esta pergunta de acordo com suas próprias necessidades de uso.

O que são projetores inteligentes?

Projetores inteligentes são aqueles que possuem um sistema operacional que funciona da mesma forma que em uma smart TV, além de possuírem conectividade sem fio. Dessa forma, eles eliminam a necessidade de estarem o tempo todo conectados a um segundo aparelho por meio de um cabo.

Como os projetores não possuem tela fixa, esses modelos inteligentes acabaram ganhando recursos que os tornam dispositivos extremamente portáteis e práticos. Muitos deles contam com alto-falante embutido, o que dispensa o uso de caixas de som externas.

O Samsung The Freestyle é o projetor inteligente da Samsug. (Imagem: Samsung/Divulgação)
O Samsung The Freestyle é o projetor inteligente da Samsug. (Imagem: Samsung/Divulgação)

Além disso, eles estão cada vez menores e mais leves, e alguns até possuem bateria interna, para poderem funcionar sem necessidade de estarem ligados na tomada. Enquanto isso, outros podem ser alimentados por um power bank adquirido à parte.

Funcionando como uma smart TV, que já traz a possibilidade de acesso a conteúdo via streaming, esse tipo de projetor tem sido usado como o principal aparelho para exibição de filmes, séries e outros vídeos na casa de muita gente.

Contudo, devemos observar que eles possuem vantagens e desvantagens em relação às TVs convencionais.

Quais as vantagens dos projetores inteligentes?

Tamanho reduzido

Os projetores inteligentes são muito mais leves e compactos que uma TV. Há modelos tão pequenos que se assemelham a uma lata de refrigerante, com mais ou menos a mesma altura e largura de um smartphone.

Por isso, para quem quer consumir conteúdo em uma tela grande e em diferentes ambientes, e não tem uma TV em cada um desses locais, o projetor inteligente pode suprir muito bem essa necessidade.

Preço baixo

Felizmente, muitas fabricantes chinesas já estão comercializando seus modelos de projetores inteligentes. Muitos deles possuem preço em conta, saindo por muito menos que uma smart TV 4K comprada no Brasil.

Tela muito maior

Uma grande vantagem dos projetores inteligentes é que grande parte deles podem projetar imagens com mais de 100 polegadas. Modelos específicos chegam a ultrapassar as 300 polegadas. Sendo assim, você poderá aproveitar seus filmes e séries em uma imagem muito maior que o tamanho médio da tela de uma smart TV.

No entanto, essa capacidade está relacionada com a distância que o aparelho deverá ficar da parede. Dentro de uma casa, dificilmente a projeção passaria das 120 polegadas.

Alguns projetores inteligentes podem ser acoplados a um bocal de lâmpada, para projetar imagens sobre a mesa. (Imagem: Samsung/Divulgação)
Alguns projetores inteligentes podem ser acoplados a um bocal de lâmpada, para projetar imagens sobre a mesa. (Imagem: Samsung/Divulgação)

Funcionamento sem energia elétrica

Outro recurso muito cômodo de alguns modelos de projetores inteligentes é a possibilidade de funcionar sem energia elétrica. Alguns modelos possuem bateria interna e outros são compatíveis com alimentação via power bank.

É claro que a autonomia não é das melhores, mas, ainda assim, a funcionalidade pode ser relevante em determinadas situações.

Quais as desvantagens dos projetores inteligentes?

Qualidade de imagem inferior

De uma forma geral, projetores possuem imagens com resolução mais baixa que uma smart TV, que, atualmente, tem resolução padrão de 4K. O The Freestyle, modelo da Samsung que eu testei, tem projeção em Full HD, sendo que ele custa mais de R$ 6 mil.

Fora isso, as smart TVs também superam os projetores em parâmetros de imagem que influenciam na qualidade, como brilho, contraste, nitidez, saturação, profundidade de cores, além dos recursos de melhoria, como HDR, Dolby Vision, entre outros.

Luminosidade do ambiente

Para tirar proveito máximo da qualidade de imagem de um projetor, você precisará utilizá-lo em um ambiente com pouca iluminação.

Versatilidade: o The Freestyle sendo usado como luminária. (Imagem: Samsung/Divulgação)
Versatilidade: o The Freestyle sendo usado como luminária. (Imagem: Samsung/Divulgação)

Os projetores possuem modelos com diversos níveis de potência de luminosidade (medidos em ANSI Lumens ou Lumens). Em alguns deles, essa potência pode ser baixa a ponto de ser praticamente impossível usá-lo durante o dia, a menos que a sala esteja completamente protegida da luz solar.

Modelos com informações imprecisas

Como grande parte dos projetores possui baixa resolução, os fabricantes e lojas online abusam de informações imprecisas a fim de atrair os usuários.

Não é incomum encontrar modelos à venda exibindo a informação “Full HD” ou até mesmo “4K”, sendo que, na verdade, eles apenas são compatíveis com arquivos nessas resoluções, mas os reproduzem em sua resolução nativa, que, muitas vezes, não passa de HD.

Quando vale a pena comprar um projetor inteligente?

Para sabermos quando vale a pena comprar um projetor inteligente, podemos citar algumas situações nas quais eles são bem úteis.

Uso corporativo

Se você faz muitas reuniões presenciais com parceiros e/ou clientes, projetar as imagens com dados relevantes para a negociação pode fazer a diferença, ainda mais se a reunião tiver muitos participantes.

Reuniões de lazer

Um projetor inteligente pode ser ótimo em reuniões com amigos e parentes, quando queremos exibir fotos de viagens, recordações, filmes, jogos de futebol, etc. Dá para fazer isso na TV, mas nem sempre ela poderá ser transportada facilmente para outros ambientes.

Decoração

Podemos usar projetores inteligentes para projetar imagens estáticas ou em movimento, a fim de decorar o quarto, a sala ou mesmo um ambiente de festa.

Viagens

Você pode usar um projetor inteligente como seu telão em uma viagem ou na casa de praia, caso não haja uma TV por lá.

Educação

Da mesma forma que você pode assistir a um filme em uma tela grande, quando estiver longe da TV, você também pode assistir suas aulas espelhando o conteúdo do smartphone diretamente no projetor inteligente. Professores também podem utilizá-lo para exibir conteúdo em uma sala com vários alunos.

Projetores inteligentes podem ter sensores que identificam a parede e corrigem automaticamente o ângulo de inclinação da imagem. (Imagem: Samsung/Divulgação)
Projetores inteligentes podem ter sensores que identificam a parede e corrigem automaticamente o ângulo de inclinação da imagem. (Imagem: Samsung/Divulgação)

O que observar na hora de comprar um projetor inteligente?

Se você quiser comprar um projetor inteligente, precisa considerar algumas características que influenciam drasticamente na sua experiência durante a utilização de um destes equipamentos.

Brilho

Falando de projetores, quanto mais brilho, melhor! A quantidade de brilho do equipamento vai depender das suas necessidades, o que inclui o tamanho do ambiente e a quantidade de luz que entra nele.

  • 200 a 300 ANSI Lumens - Locais pequenos e escuros;

  • 400 a 600 ANSI Lumens - Salas maiores e com pouca iluminação;

  • Acima de 1500 ANSI Lumens - Salas grandes, como auditórios ou locais que funcionam durante o dia.

Resolução

Fique atento em relação à resolução suportada para leitura e reprodução de arquivos. Se estiver escrito algo como “compatível com Full HD”, é provável que o projetor consiga ler arquivos gravados no máximo em 1920 x 1080 pixels, mas a projeção será numa resolução inferior.

Contraste

Quanto maior a taxa de contraste, melhor será a relação entre a profundidade do preto nas imagens e o nível de branco exibido. Se o contraste for baixo, as imagens ficam acinzentadas e opacas.

Tamanho da imagem e distância

Preste atenção no tamanho (em polegadas) mínimo e máximo que o projetor consegue exibir. Também é importante você saber as distâncias mínima e máxima necessárias para que ele consiga gerar as imagens com nitidez satisfatória.

Tecnologia de projeção

Os projetores usam tecnologias diferentes para gerar as imagens e projetá-las. Vamos ver as diferenças entre os métodos DLP e LCD:

DLP

DLP é a sigla no inglês para “processamento de luz digital”. Projetores que usam essa tecnologia de projeção geram imagens mais suaves e livres de trepidação, possuem escala de cinza com melhor linearidade e geometria, têm maior durabilidade e imagens com boa qualidade por mais tempo. Além disso, eles atingem maior profundidade de cores e quase não precisam de manutenção;

LCD

LCD é uma sigla muito mais conhecida, que, em português, significa algo como "mostrador de cristal líquido". Projetores baseados nessa tecnologia atingem maior brilho com menos consumo de energia (modelos 3LCD), oferecem boa projeção em praticamente qualquer superfície plana, possuem modelos mais compactos e oferecem melhor contraste.

Usuário copiando uma imagem projetada à mão. (Imagem: Samsung/Divulgação)
Usuário copiando uma imagem projetada à mão. (Imagem: Samsung/Divulgação)

Conexões

Se o objetivo de ter um projetor inteligente é ter mais versatilidade no consumo de conteúdo, então você precisa checar as capacidades de conectividade oferecidas pelo modelo a ser adquirido.

Recursos como Wi-Fi 5.0 GHz, Bluetooth, HDMI, entradas USB (para a leitura de arquivos de vídeos e fotos), além de conexões extras para a conexão de dispositivos de vídeo e áudio são bem-vindos.

Dá pra substituir sua TV por um projetor inteligente?

Os projetores inteligentes são ótimas opções para quem procura consumir conteúdo em telas maiores do que as smart TVs, por um preço mais acessível. Eles também proporcionam a mesma comodidade de oferecer um sistema operacional autônomo, que já inclui os principais aplicativos de streaming do mercado.

Por isso, muitos usuários vêm substituindo as TVs convencionais por estes equipamentos, que são muito mais fáceis de serem transportados, e costumam custar bem menos (modelos chineses) que uma smart TV de alta qualidade.

No entanto, é mais viável afirmar que os projetores inteligentes podem substituir as TVs apenas em situações específicas, e não de forma definitiva.

Projetores com imagens em altíssima definição (a partir da resolução 4K) e recursos avançados de melhoria de imagem ainda custam muito mais caro que uma smart TV. Além disso, para tirar proveito de toda a qualidade que a maioria dos modelos pode oferecer, você precisará de um ambiente pouco iluminado, o que é uma grande desvantagem diante das TVs.

Dessa forma, os projetores inteligentes surgem como perfeitos aliados para usuários que precisam de uma tela inteligente focada na portabilidade e versatilidade de uso. Quem faz muito uso da TV durante o dia ou em locais muito iluminados, ou faz questão de imagens em altíssima qualidade, com resolução em 4K, mas não quer pagar valores muito altos, a smart TV ainda é mais indicada.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech: