Mercado fechará em 2 h 47 min
  • BOVESPA

    101.428,61
    +168,86 (+0,17%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    38.339,64
    -368,08 (-0,95%)
     
  • PETROLEO CRU

    38,65
    -1,20 (-3,01%)
     
  • OURO

    1.908,10
    +2,90 (+0,15%)
     
  • BTC-USD

    13.023,60
    -126,42 (-0,96%)
     
  • CMC Crypto 200

    260,06
    -3,36 (-1,27%)
     
  • S&P500

    3.395,15
    -70,24 (-2,03%)
     
  • DOW JONES

    27.609,31
    -726,26 (-2,56%)
     
  • FTSE

    5.810,14
    -50,14 (-0,86%)
     
  • HANG SENG

    24.918,78
    +132,68 (+0,54%)
     
  • NIKKEI

    23.494,34
    -22,25 (-0,09%)
     
  • NASDAQ

    11.472,00
    -191,50 (-1,64%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,6412
    -0,0227 (-0,34%)
     

Desenvolvedores de Cyberpunk 2077 trabalharão 6 dias semanais para terminar jogo

Wagner Wakka
·2 minutos de leitura

Os desenvolvedores de Cyberpunk 2077 entraram em um regime de trabalho de seis dias semanais para terminar o game em tempo para o lançamento em novembro. A decisão, como aponta o diretor da CD Projeck Red, Adam Badowski, é “completamente o oposto” do que prometia a companhia no ano passado.

A informação vem do jornalista da Bloomberg, Jason Scheirer, que recebeu e-mails de funcionários da empresa denunciando a prática conhecida como “crunch”. Segundo as fontes de Scheirer, os empregados estão sendo estimulados a trabalhar também mais um dia no final de semana para garantir a qualidade do jogo que será lançado em novembro.

A decisão foi confirmada pelo próprio Badowski em nota ao site: “Começando hoje, o estúdio está a todo vapor”, escreveu aos funcionários. Depois, ele explicou que isso significava mais horas de trabalho, incluindo um dia do final de semana. Pela lei trabalhista polonesa, onde está a sede da CD Projekt Red, é obrigatória remuneração dos funcionários.

Badowski confirmou também ao jornalista que este não era o plano da companhia. “Eu assumo totalmente a consequência negativa desta decisão. Eu sei que esta é a direção completamente oposta do que havíamos dito sobre crunch. É também uma direção oposta ao que eu pessoalmente fui criado para acredita, que o crunch nunca deveria ser a resposta. Mas nós já ultrapassamos todas as outras formas de lidar com a situação”, explicou. Segundo o diretor, o tempo extra será direcionado para polir e corrigir os bugs no game.

A prática de trabalhar além das corriqueiras oito horas de trabalho, sem folgas nem finais de semana é tão enraizado na cultura de desenvolvimento de jogos que tem até um termo para isso: crunch time. Segundo Jason Scheirer em seu livro Sangue, Suor e Pixels, a palavra não tem exatamente uma origem concreta, mas é associada à onomatopeia relativa ao som de ranger os dentes, em um momento de grande estresse. O termo também significa “triturar” na tradução direta.

Depois de adiamentos, Cyberpunk 2077 está agendado para lançamento no PC, PlayStation 4, Xbox One, Google Stadia em 19 de novembro. O game também será lançado para PlayStation 5 e Xbox Series X em 2021.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech: