Mercado abrirá em 19 mins
  • BOVESPA

    106.296,18
    -1.438,82 (-1,34%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.889,66
    -130,44 (-0,25%)
     
  • PETROLEO CRU

    84,68
    +0,92 (+1,10%)
     
  • OURO

    1.802,40
    +6,10 (+0,34%)
     
  • BTC-USD

    63.087,47
    +2.782,33 (+4,61%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.453,34
    -49,70 (-3,31%)
     
  • S&P500

    4.544,90
    -4,88 (-0,11%)
     
  • DOW JONES

    35.677,02
    +73,92 (+0,21%)
     
  • FTSE

    7.232,68
    +28,13 (+0,39%)
     
  • HANG SENG

    26.132,03
    +5,10 (+0,02%)
     
  • NIKKEI

    28.600,41
    -204,44 (-0,71%)
     
  • NASDAQ

    15.376,00
    +35,00 (+0,23%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,5611
    -0,0197 (-0,30%)
     

CSN caindo com força com a baixa do minério de ferro

·2 minuto de leitura

Logo após perder quase dois terços do valor de mercado com a queda generalizada provocada pela pandemia, as ações da CSN iniciaram um forte movimento de alta, impulsionado pelo desempenho do mercado chinês e a alta do minério de ferro. Desde o fundo gerado em março de 2020, o preço das ações cresceram incríveis 883% até o topo alcançado no dia 10 de março deste ano. Ou seja, o valor de mercado da empresa se multiplicou por quase nove vezes em cerca de um ano.

Buscando entender a dinâmica dos preços, foi observado queo mercado fez uma quarta onda complexa, destacada no gráfico pelo retângulo. Na sequência uma quinta onda de alta levou o preço até o alvo de 161,8% da projeção do retângulo.

Após fazer topo, as ações recuaram um pouco e ficaram por três meses trabalhando em uma consolidação. O ativo tentou até fazer um pivô de alta acima da média de 20 períodos para sair da consolidação, porém falhou em romper o topo anterior e começou a cair.

Após perder a média de 20, a força vendedora se intensificou levando os preços ao fundo da figura. Na sequência o suporte foi perdido, dando assim início a tendência secundária de baixa.

Com a queda de ontem o papel chegou próximo ao alvo de 100% da consolidação, que deverá se comportar como um suporte, assim como ocorreu com o alvo de 61,8%.

É importante ficar atento ao comportamento do preço nesta região, pois além de ser um alvo, também foi onde o mercado deixou os fundos da quarta onda complexa do ciclo de alta. Caso esta região seja perdida, é muito provável que o preço alcance o terceiro alvo, próximo a marca de R$25,50.

This article was originally posted on FX Empire

More From FXEMPIRE:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos