Mercado fechará em 5 h 19 min
  • BOVESPA

    124.015,79
    -1.659,54 (-1,32%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.213,31
    -421,29 (-0,82%)
     
  • PETROLEO CRU

    73,67
    +0,05 (+0,07%)
     
  • OURO

    1.826,30
    -9,50 (-0,52%)
     
  • BTC-USD

    38.962,10
    -849,66 (-2,13%)
     
  • CMC Crypto 200

    923,64
    -26,26 (-2,76%)
     
  • S&P500

    4.402,51
    -16,64 (-0,38%)
     
  • DOW JONES

    35.025,07
    -59,46 (-0,17%)
     
  • FTSE

    7.044,63
    -33,79 (-0,48%)
     
  • HANG SENG

    25.961,03
    -354,29 (-1,35%)
     
  • NIKKEI

    27.283,59
    -498,83 (-1,80%)
     
  • NASDAQ

    14.939,00
    -98,75 (-0,66%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,0890
    +0,0485 (+0,80%)
     

‘Cruz da morte’ assusta investidores de bitcoin; entenda o fenômeno

·2 minuto de leitura
‘Cruz da morte’ assusta investidores de bitcoin; entenda o fenômeno
‘Cruz da morte’ assusta investidores de bitcoin; entenda o fenômeno

O ano de 2021 não está sendo nada fácil para o bitcoin. A criptomoeda vem enfrentando quedas consecutivas em seu valor de mercado e, na última terça-feira (22), a cotação do ativo foi para menos de US$ 30 mil (cerca de R$ 148 mil) – essa queda brusca é o que pode dar, em tese, o start para o que investidores chamam de “cruz da morte”.

A nova queda do bitcoin representa uma grande perda para o ativo, pois ele chegou a valer 50% mais em abril deste ano, quando atingiu o recorde histórico de US$ 64,8 mil.

Símbolo do bitcoin ao lado de uma cruz branca
‘Cruz da morte’ assusta investidores do bitcoin; entenda. Imagem: Mikhaylovskiy/Shutterstock

A “cruz da morte” é um sinal encontrado no gráfico de análises de tendências futuras e sugere perdas muito grandes. O fenômeno se dá quando o valor médio de um ativo nos últimos 50 dias cai dramaticamente, ficando abaixo do valor médio dos últimos 200 dias.

“A cruz é um padrão de comportamento que todo mundo que faz análise técnica vê. E como todo mundo vê, isso ganha peso”, disse o vice-gerente de estratégias de investimento da empresa de serviços financeiros Falcom Asset Manager, Hugo Osorio, à BBC News.

O analista afirma que a cruz da morte não é um bom sinal e demonstra uma confirmação que a tendência no longo prazo é de baixa no mercado.

Com a formação da cruz a expectativa é de que investidores passem a se livrar de bitcoins o mais rápido possível, acelerando ainda mais a queda do ativo.

No entanto, vale ressaltar, a identificação do fenômeno não é regra para queda.

Leia também!

No início da pandemia da Covid-19, em março de 2020, o bitcoin já chegou a enfrentar outra cruz da morte, identificada no período para o ativo.

Contradizendo tais previsões, o valor da criptomoeda subiu cerca de 1.000% em um ano.

Especialistas afirmam que as situações são diferentes, já que o mercado como um todo estava sendo abalado em 2020 e, quando se recuperou, levou o bitcoin junto.

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos