Mercado fechará em 3 h 4 min
  • BOVESPA

    120.647,06
    +1.349,93 (+1,13%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    48.211,07
    +707,36 (+1,49%)
     
  • PETROLEO CRU

    63,15
    +2,97 (+4,94%)
     
  • OURO

    1.737,00
    -10,60 (-0,61%)
     
  • BTC-USD

    63.727,91
    +417,97 (+0,66%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.378,41
    +2,64 (+0,19%)
     
  • S&P500

    4.147,42
    +5,83 (+0,14%)
     
  • DOW JONES

    33.883,52
    +206,25 (+0,61%)
     
  • FTSE

    6.939,58
    +49,09 (+0,71%)
     
  • HANG SENG

    28.900,83
    +403,58 (+1,42%)
     
  • NIKKEI

    29.620,99
    +82,29 (+0,28%)
     
  • NASDAQ

    13.910,50
    -65,25 (-0,47%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,7885
    -0,0427 (-0,63%)
     

Crise nas placas de vídeo: preços disparam por mineração de criptomoedas

Marcus Couto
·2 minuto de leitura
Placa de vídeo Geforce RTX 3070
Placa de vídeo Geforce RTX 3070

Gamers de alta performance, que rodam em seus computadores jogos de alta resolução, com forte demanda por processamento de gráficos avançados, precisam das chamadas “placas de vídeo”, ou GPUs – unidades de processamento gráfico dedicado, para “reforçar” as capacidades de uma máquina.

Leia também:

Essas placas podem ser compradas à parte, e seus preços giravam até o final do ano passado, como no caso da RTX 3070 da NVIDIA, empresa especialista nesse tipo de tecnologia, em torno dos R$ 5 mil.

Baixe o app do Yahoo Mail em menos de 1 min e receba todos os seus emails em 1 só lugar

Siga o Yahoo Finanças no Google News

Mas nesse início de ano, esses equipamentos passaram por uma disparada no preço: o mesmo modelo citado anteriormente passou a custar até R$ 10 mil na internet, isso quando ele está disponível para pronta entrega.

O que está por trás dessa repentina disparada nos preços? A mineração de criptomoedas, como o bitcoin.

Os chamados “mineradores” precisam de muito poder de processamento computacional para executar as operações matemáticas dificílimas necessárias para se obter unidades da moeda digital – é isso o que garante a “escassez” do bitcoin, e mantém a rede funcionando e segura.

Muitos têm, então, se voltado a essas GPUs para dar conta do trabalho, e a demanda aumentou nesse início de ano com a disparada no preço das criptomoedas. Com menos unidades disponíveis no mercado para atender à demanda, saltou o preço das placas de vídeo.

Somente o bitcoin passou de cerca de US$ 20 mil em dezembro de 2020 para o pico de US$ 58 mil no final de fevereiro último, praticamente triplicando de valor.

No momento do fechamento deste texto, um bitcoin era negociado a pouco mais de R$ 51 mil, em tendência de alta.

Pelo visto, os gamers precisarão preparar os bolsos, ao menos nos próximos meses.

Assine agora a newsletter Yahoo em 3 Minutos

Siga o Yahoo Finanças no Instagram, Facebook, Twitter e YouTube