Mercado fechado
  • BOVESPA

    111.496,21
    -2.316,66 (-2,04%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    48.463,26
    -266,54 (-0,55%)
     
  • PETROLEO CRU

    89,91
    -0,59 (-0,65%)
     
  • OURO

    1.760,30
    -10,90 (-0,62%)
     
  • BTC-USD

    21.007,24
    -1.986,63 (-8,64%)
     
  • CMC Crypto 200

    504,88
    -36,72 (-6,78%)
     
  • S&P500

    4.228,48
    -55,26 (-1,29%)
     
  • DOW JONES

    33.706,74
    -292,30 (-0,86%)
     
  • FTSE

    7.550,37
    +8,52 (+0,11%)
     
  • HANG SENG

    19.773,03
    +9,12 (+0,05%)
     
  • NIKKEI

    28.930,33
    -11,81 (-0,04%)
     
  • NASDAQ

    13.250,00
    -273,25 (-2,02%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,1885
    -0,0253 (-0,49%)
     

Crise existencial em títulos alimenta boom de ETF em Wall Street

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.

(Bloomberg) -- Em um mundo onde a inflação leva os títulos a perdas recordes, os emissores de Wall Street estão apostando que os investidores famintos por renda vão gastar seus milhões em ETFs que seguem ações para entregar rendimentos.

Pelo menos quatro emissores apresentaram planos para os chamados fundos de renda negociados em bolsa nas últimas semanas, enquanto mais três desses produtos começaram a ser negociados no mesmo período. Os veículos visam um fluxo constante de receita usando uma série de estratégias baseadas em ações, como comprar empresas que pagam dividendos ou vender opções de compra no S&P 500.

Os fundos estão desfrutando de um aumento de popularidade à medida que a inflação desenfreada e os temores da recessão abalaram os títulos, aumentando o apelo dessa fonte alternativa de renda. O ETF JPMorgan Equity Premium Income (JEPI), um dos maiores produtos do setor, está entre os 10 principais ETFs de ações em entradas este ano, com US$ 5,4 bilhões que quase dobraram seus ativos.

No entanto, os céticos alertam que, embora as estratégias possam espelhar os pagamentos dos títulos, elas não oferecem a mesma diversificação. Os investidores, como resultado, podem acabar superexpostos a um mercado de ações em turbulência.

“Esses fundos têm alta sensibilidade à volatilidade das ações e não devem ser tratados como proxies de renda para fins de alocação de ativos”, diz Ben Lavine, diretor de investimentos do 3D Asset Management Group.

O S&P 500 entrou em bear market em junho, depois que o Fed desencadeou sua maior alta de juros desde 1994 para conter a inflação mais alta em quatro décadas.

Isso também alimentou as perdas em todo o cenário de renda fixa, com os rendimentos do Tesouro de 10 anos subindo até 3,5% no início do mês, depois de entrar em 2022 perto de 1,5%.

Embora rendimentos mais altos devam ser atrativos para investidores famintos por renda, a perspectiva de mais aumentos nas taxas - e perdas correspondentes em títulos - está ajudando a manter os compradores afastados. Enquanto isso, o fracasso dos títulos como proteção contra a queda nas ações manchou sua reputação como instrumento para diversificar o portfólio.

Embora o mini-boom em fundos de renda provavelmente seja sustentável, é importante que os investidores reconheçam que esses ETFs têm perfis de risco substancialmente diferentes dos títulos, de acordo com Nate Geraci da ETF Store.

“Eu me preocupo que alguns investidores não compreendam totalmente as novas fontes de risco que estão assumindo em um esforço para extrair um pouco mais”, disse Geraci, presidente da empresa de consultoria. “O resultado final é que muitos desses produtos simplesmente não podem substituir o papel dos títulos de alta qualidade em um portfólio diversificado.”

More stories like this are available on bloomberg.com

©2022 Bloomberg L.P.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos