Com crise na Europa, portugueses vêm ao Brasil vender imóveis de Portugal

SÃO PAULO – Entre os dias 6 e 9 de dezembro, a Câmara Portuguesa de Comércio e Indústria do Rio de Janeiro realizará a primeira Mostra do Imobiliário de Portugal no Brasil, com o intuito de abrir o mercado português de imóveis aos brasileiros.

Um dos organizadores do evento, Guilherme Grossman, conta que o brasileiro gosta de ter uma casa na Europa e que Portugal apresenta vantagens pelas paisagens, praias e principalmente em relação aos melhores climas do continente europeu. “É um país de baixo custo, acolhedor, com infraestrutura moderna e claro, imóveis de alta qualidade de construção”, diz.

Feirão de vendas
O evento vai ocorrer no Consulado Português da cidade do Rio de Janeiro e vai apresentar cerca de mil imóveis. Os preços, segundo Grossman, vão variar bastante. Desde apartamentos “quarto e sala” por 150 mil euros, até os mais luxuosos, incluindo os conhecidos “palácios”, custando acima de 2 milhões de euros, localizados em Lisboa, ao Sul, na região do Algarve e também ao Norte do país. 

Como comprar?
Não é preciso nenhum documento específico para comprar imóveis em território português. Durante o “feirão”, haverá um representante do Instituto dos Registros e do Notariado de Portugal, além de um advogado para auxiliar os clientes que tiverem maior interesse pelas aquisições.

Quanto às formas de pagamento, Grossman diz que 50% do imóvel poderá ser financiado e em alguns casos específicos, haverá bens que poderão chegar a 80% ou mais do valor em financiamento.

Carregando...