Mercado fechado
  • BOVESPA

    110.036,79
    +2.372,44 (+2,20%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    44.626,80
    -475,75 (-1,05%)
     
  • PETROLEO CRU

    79,74
    -1,49 (-1,83%)
     
  • OURO

    1.668,30
    -0,30 (-0,02%)
     
  • BTC-USD

    19.280,91
    -59,68 (-0,31%)
     
  • CMC Crypto 200

    443,49
    +0,06 (+0,01%)
     
  • S&P500

    3.585,62
    -54,85 (-1,51%)
     
  • DOW JONES

    28.725,51
    -500,10 (-1,71%)
     
  • FTSE

    6.893,81
    +12,22 (+0,18%)
     
  • HANG SENG

    17.222,83
    +56,96 (+0,33%)
     
  • NIKKEI

    25.937,21
    -484,84 (-1,83%)
     
  • NASDAQ

    11.058,25
    -170,00 (-1,51%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,3079
    +0,0099 (+0,19%)
     

Criptomoeda do Mercado Livre valoriza 13% e se aproxima de R$ 1,00

Mercado Coin, criptomoeda do Mercado Livre
Mercado Coin, criptomoeda do Mercado Livre

A criptomoeda do Mercado Livre, a “Mercado Coin”, valorizou 13% nas últimas 24 horas e se aproxima da cotação de R$ 1,00, após ser lançada com um preço de R$ 0,50 para seus clientes.

Lançada há pouco tempo apenas no aplicativo Mercado Pago, a moeda digital é uma novidade para os clientes da empresa, que podem comprar com uma criptomoeda.

Os vendedores que publicam anúncios no Mercado Livre podem ver a opção de Mercado Coin em seus anúncios, mas não receberam pagamentos com a moeda, apenas em Real brasileiro.

A intenção inicial do Mercado Livre é tornar a Mercado Coin uma forma de cashback para seus clientes, que conseguem ver antes de realizar uma compra quanto receberão de volta com a moeda.

Criptomoeda do Mercado Livre valoriza 13% se aproxima de R$ 1,00

A Mercado Coin é criada como um token ERC20 pela rede Ethereum, com o ticker MCN, embora ainda não seja possível encontrar seu contrato em pesquisas por exploradores como Etherscan.

Mas para clientes do Mercado Pago, já estão liberadas as negociações da criptomoeda do Mercado Livre, que começará a chegar nas carteiras de seus investidores e clientes da empresa em breve.

No entanto, chama atenção que em menos de um mês de seu lançamento, a Mercado Coin já valorizou bastante, sendo 13% nas últimas 24 horas, colocando a cotação da MCN em R$ 0,71 hoje.

Reclamação feita no Mercado Livre sobre produto
Reclamação feita no Mercado Livre sobre produto

Ou seja, desde seu lançamento, a Mercado Coin já valorizou 40% e segue buscando se aproximar de R$ 1,00. Como o preço da moeda depende da negociação de clientes, visto que o Mercado Livre já deixou claro que não vai interferir, isso mostra otimismo dos clientes da empresa com a solução.

O próprio Mercado Pago alerta os clientes que tentam comprar a moeda de seu preço volátil, que pode acarretar prejuízos.

Ainda não é possível sacar a moeda ou receber criptomoeda

O que chama atenção da iniciativa do Mercado Livre com sua criptomoeda é que os compradores estão como os principais beneficiados, visto que os vendedores ainda não têm benefícios diretos.

De qualquer forma, ainda não é possível sacar a Mercado Coin ou mesmo receber nas contas do Mercado Pago essa no estágio inicial. Ou seja, clientes podem comprar ou vender apenas.

Caso o token ERC20 ganhe mais casos de uso, pode ocorrer de se valorizar, sendo essa a primeira moeda própria criada por uma grande empresa que atua no Brasil.

Fonte: Livecoins