Mercado abrirá em 9 horas 1 minuto
  • BOVESPA

    113.583,01
    +300,34 (+0,27%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.598,53
    +492,82 (+0,96%)
     
  • PETROLEO CRU

    76,18
    +0,73 (+0,97%)
     
  • OURO

    1.749,70
    -2,30 (-0,13%)
     
  • BTC-USD

    42.585,67
    -1.460,88 (-3,32%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.054,95
    -46,57 (-4,23%)
     
  • S&P500

    4.443,11
    -12,37 (-0,28%)
     
  • DOW JONES

    34.869,37
    +71,37 (+0,21%)
     
  • FTSE

    7.063,40
    +11,92 (+0,17%)
     
  • HANG SENG

    24.584,93
    +376,15 (+1,55%)
     
  • NIKKEI

    30.136,40
    -103,66 (-0,34%)
     
  • NASDAQ

    15.167,00
    -27,75 (-0,18%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,2927
    -0,0141 (-0,22%)
     

Criptomoeda brasileira Hathor sobe 400% e atinge paridade com o dólar

·2 minuto de leitura

A criptomoeda brasileira Hathor subiu 400% no último mês e atingiu o pareamento com o dólar. Isso significa que 1 HTR vale agora no mercado aproximadamente 1 dólar. A Hathor.network é uma blockchain desenvolvida no Brasil com um time brasileiro com potencial mundial. É hoje tida como uma das tecnologias descentralizadas mais rápidas do mercado.

Preço da criptomoeda HTR no site Coinmarketcap

Origem da Equipe

A equipe, que veio em sua maioria da Universidade do IME no Rio de Janeiro, identificou que existia uma lacuna nas soluções apresentadas no mercado para transações rápidas e baratas. A tecnologia de blockchain ainda não chegou no dia a dia das pessoas por causa disso.

Depois de 5 anos de estudo e uma tese de doutorado, a equipe chegou a uma solução: restringir a aplicação (DApp) apenas para a criação de tokens, e com isso ganhar escalabilidade. Ao contrário da maioria das blockchains de contratos inteligentes como Ethereum, Cardano, BSC ou Solana que tentam resolver qualquer tipo de programação.

Mercado de Tokenização

Desde o lançamento, há um ano e meio atrás, o mercado de tokens vem crescendo e ganhou nome próprio: DeFi, ou finanças descentralizadas. O mais difícil agora não é a tecnologia, e sim a nova forma de pensar o seu negócio e adaptar o fluxo de caixa para introduzir os tokens. A tendência é toda empresa que gera caixa virar uma fintech, e toda fintech ser tokenizada.

Enquanto o Bitcoin é uma blockchain descentralizada e de governança livre, a Hathor pretende entrar no mundo corporativo, onde apesar de a blockchain ser pública, a regras de governança ficam na mão do CEO da empresa.

É um erro achar que por a blockchain ser pública ela não pode ser usada no mundo corporativo. A Hathor separou muito bem estes dois conceitos e pretende quebrar esta barreira cultural.

Fonte: Livecoins

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos