Mercado fechará em 3 h 42 min
  • BOVESPA

    104.043,97
    +2.128,52 (+2,09%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    50.329,47
    +630,75 (+1,27%)
     
  • PETROLEO CRU

    68,07
    +1,89 (+2,86%)
     
  • OURO

    1.792,40
    +15,90 (+0,90%)
     
  • BTC-USD

    58.454,31
    -563,49 (-0,95%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.493,20
    +24,12 (+1,64%)
     
  • S&P500

    4.636,28
    +69,28 (+1,52%)
     
  • DOW JONES

    34.882,97
    +399,25 (+1,16%)
     
  • FTSE

    7.134,30
    +74,85 (+1,06%)
     
  • HANG SENG

    23.658,92
    +183,66 (+0,78%)
     
  • NIKKEI

    27.935,62
    +113,86 (+0,41%)
     
  • NASDAQ

    16.366,00
    +215,50 (+1,33%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,3691
    -0,0009 (-0,01%)
     

Criminosos usam falhas da cadeia de logística para roubar dados dos consumidores

·2 min de leitura

Os consumidores sempre precisem ser prudentes durante as compras de final de ano, período em que os golpes estão em alta por conta da Black Friday. Mas, segundo a Cisco Talos, em 2021 o cenário será diferente, por conta dos problemas na cadeia logistíca mundial.

Um dos principais fatores dessa mudança são os problemas da cadeia de logística causados pela pandemia. Com a menor disponibilidade de produtos em estoque e os aumentos de preços pós-Black Friday, muitos consumidores, na procura pelo item desejado, serão expostos a tentativas de phishing e outros tipos de golpes online, principalmente referentes aos consoles de jogos de última geração.

O PS5 e Xbox Series X foram lançados durante a pandemia da COVID-19, e até agora ainda não conseguiram regularizar seus estoques, mesmo com eles sendo os itens, normalmente, mais procurados no fim de ano. Além disso, golpes envolvendo os consoles já estão sendo aplicados e relatados nas redes sociais desde pelo menos junho de 2021.

Enquanto isso, criminosos procuram consumidores que são mais propícios a compartilhar os dados bancários, acreditando que foram um dos poucos sortudos que conseguiram uma excelente oferta.

Os consumidores também devem estar atentos a produtos e sites falsificados, que podem conter golpes de envio, aproveitando a necessidade do cliente de encontrar e receber o presente desejado até o Natal.

Como criminosos enganam os consumidores

<em>Exemplo de loja falsa usada para enganar consumidores na Black Friday. Observe o endereço. (Imagem: Reprodução/Reclame Aqui)</em>
Exemplo de loja falsa usada para enganar consumidores na Black Friday. Observe o endereço. (Imagem: Reprodução/Reclame Aqui)

Normalmente, os invasores costumam enganar suas vítimas para compartilharem voluntariamente seus dados em sites maliciosos que parecem ser legítimos, ou mesmo fazendo os consumidores clicarem em links que invadem os celulares e computadores com softwares que podem roubar seus dados, informações bancárias e os dados do cartão de crédito.

Além disso, principalmente no fim de ano, é comum o envio de e-mails ou mesmo propagandas em redes sociais que anunciam mercadorias de marca com super promoções, mas que, na verdade, só são tentativas de phishing para roubar os dados das possíveis vítimas.

Por fim, as lojas falsas também aparecem mais durante a Black Friday. Essas fraudes usam o layout de páginas de varejistas confiáveis para tentar enganar os consumidores e ter acesso a informações privadas.

Dicas para proteção dos consumidores

É comum ficar apreensivo com a segurança digital de seus dados. Porém, existem ações que podem diminuir os riscos, quando aplicadas. Listamos elas a seguir:

  • Faça pesquisas sobre as empresas ou instituições que estão enviando e-mails não solicitados;

  • Desconfie de e-mails ou mensagens que indicam um problema ou dúvida sobre as suas contas bancárias;

  • Tenha cuidado com postagem em mídias sociais que anunciam ofertas boas demais para serem verdade;

  • Se solicitarem que você deva agir de forma rápida ou se houver uma emergência, suspeite de golpes;

  • Fique alerta com e-mails e mensagens que indicam um problema ou uma dúvida sobre os seus dados bancários;

  • Não clique em nenhum link de um e-mail não solicitado.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos